header top bar

section content

As cobranças a Wilson Filho, a “pendência” do vereador Dunga para Cássio e as negociações pelo campus da UFCG estão na Faisqueira

A coluna Faisqueira traz os assuntos mais comentados da semana na área política em Cajazeiras e região. Confira aqui!

Por

24/05/2014 às 12h11

Erramos
A manchete principal do GAZETA da semana passada uma virgula foi colocada no lugar errado: O ELITORADO DE CAJAZEIRAS DIMINUIU 11,29%, quando deveria ter sido: O ELEITORADO DE CAJAZEIRAS DIMINUIU 1,129%.
     
Pênis turbinado
Dentre as muitas maneiras para esconder drogas, esta semana a policia civil descobriu mais uma modalidade usada pelos traficantes: dentro de um pênis de silicone. Com um porte meio avantajado, foi motivo de muitos comentários nas esquinas da cidade de Cajazeiras, dentre eles: “pênis turbinado”, pênis loucão”, “pênis dinamitado”.
 
Cobrança
O empresário cajazeirense, engenheiro Alexandre Costa, na solenidade de lançamento da TV digital, da TV Paraíba, ocorrido na Praça da Matriz, como membro do MAC – Movimento dos amigos de Cajazeiras, indagou ao deputado federal Wilson Filho quais as emendas de sua lavra para a cidade de Cajazeiras e ele meio sem jeito disse: para carros da policia e procurou outra coisa, mas não encontrou.
 
Cobrança 2
Foi aí que o Alexandre entrou firme: “agora chegou a oportunidade de você ajudar a nossa cidade, ponha 500 mil reais para o Centro de Tecnologia do IFPB, que vai ser construído em nossa cidade”. A resposta: “vou ver”. Na realidade os deputados federais votados em Cajazeiras só precisam mesmo é do nosso voto, mas assumir compromissos com as nossas bandeiras de lutas, jamais, disse Dr. Alex.
 
Dilema
O vereador cajazeirense, Ivanildo Dunga, do PMN, e pré-candidato a deputado federal, ao ver o seu partido declinar apoio a candidatura do senador Cássio da Cunha Lima, ficou numa situação muito difícil, porque faz parte da base aliada da prefeita Denise que vota em Ricardo Coutinho.
 
Dilema 2
 Denise e Carlos Antonio já teriam tentado convencer Dunga não ser candidato e votar no seu a deputado federal, que é Efraim Filho, mas Dunga afirma que é irreversível a sua determinação de postular uma vaga na Câmara Federal, portanto, pelo andar da carruagem, não votará também no candidato a governador de Denise, que é Ricardo, e sim em Cássio.
 
Dilema 3
Esta mudança repentina do PMN, segundo Dunga, poderá o favorecer, já que ele vai falar com Cássio, quando dos seus comícios em Cajazeiras, pedir para votar nele, como único candidato a deputado federal, filho de Cajazeiras. …e vai que dar certo…, caso ele vote mesmo em Cássio.
 
Silêncio
O pré-candidato a deputado estadual Jeová Campos, nos últimos dias, tem estado em permanente silêncio, mas não parou um segundo de trabalhar na pavimentação da estrada que pretende construir, que o levará a Assembléia Legislativa da Paraíba. Tem dito a alguns amigos que sua maior dificuldade tem sido na montagem dos recursos que precisará para construir esta estrada, que segundo ele os preços estão acima da tabela.
 
Consciente
O deputado estadual, Antonio Vituriano de Abreu, declarou estar certo de que vai obter muitos votos entre os considerados “eleitores conscientes”, baseado nas ações que tem desenvolvido na Assembléia Legislativa, em defesa do povo. Vituriano tem sido um combativo deputado de oposição ao governo do estado e tem sido destaque na imprensa estadual.
 
Escravo do povo
O deputado estadual José Aldemir, por outro lado, também quer voltar a Assembléia Legislativa e é considerado por muitos como um “escravo do povo”, isto porque, todos que batem a sua porta ou precisa de sua ajuda nunca disse não, principalmente quando se trata de problemas de saúde, com um detalhe: não é apenas no chamado período eleitoral, mas “o tempo todo”.  
 
Balança, mas não cai
O reitor da Universidade Federal de Campina Grande, professor Edilson Amorim, se reuniu com os dois candidatos a diretor do Campus de Cajazeiras, que estão “brigando” na justiça para ver quem vai ser o diretor, depois de uma disputa muita acirrada, mas balançou, balançou, mas não caiu. A proposta: um assumiria uma pró-reitoria e outro a direção do CFP. Comenta-se que a sentença já estaria pronta. Um dos dois vai ficar só como professor, depois das negociações terem sido zeradas.

Gazeta do Alto Piranhas

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares