header top bar

section content

A pedida de Léa para vice, a defesa de Carlos Antonio e a tranquilidade de José Aldemir estão na faisqueira

A coluna do Gazeta do Alto Piranhas também traz um resumo completo do que aconteceu na semana que passou em Cajazeiras e região. Confira aqui!

Por

15/11/2013 às 15h03

Sem perder o sono
O deputado estadual José Aldemir Meireles tem confidenciado a alguns amigos que não tem perdido um segundo sequer de seu precioso sono, com relação ao apoio de seus amigos Denise/Carlos Antonio, em Cajazeiras, a “quem dei a minha valiosa ajuda e apoio quando da última campanha para prefeito” e prevê o futuro: estaremos novamente no mesmo palanque em 2015, para que a Dra Denise possa continuar fazendo esta bela administração.

Sem perder o sono 2
Mas não é apenas este fato que vem dando tranquilidade ao deputado José Aldemir Meireles: nas suas horas de folgas tem circulado por seis municípios próximos a João Pessoa, dentre eles Itabaiana, onde tem conseguido apoios importantes para o seu projeto de reeleição, que somados aos do alto sertão…

Sem perder o sono 3
Outro fato que não o tem feito perder o sono é com relação a não possuir um palanque eleitoral, com a presença de um dos candidatos a governador e se proclama “candidato independente”, até para não causar constrangimentos com alguns aliados que votam tanto em Ricardo, quanto em Veneziano e o caso mais expressivo é o de Cajazeiras, já que Denise e Carlos votam em Ricardo. Zé sonha com a candidatura de Cássio.

Composição com vantagem
A permuta de reduto eleitoral que o deputado estadual Antonio Vituriano de Abreu fez com o prefeito da Capital do Estado – em apoiar o seu irmão gêmeo Jucélio Cartaxo, para deputado federal, em Cajazeiras, em troca de alguns redutos em João Pessoa, que “embutiu” ainda importantes apoios de alguns secretários municipais, poderá dar excelentes frutos para o deputado de Cajazeiras.

Composição com vantagem 2
Por outro lado, Vituriano tem sido o deputado que melhor vem utilizando as mídias sociais, principalmente o Facebook, além de se constituir, dentre os deputados das oposições, o que vem desenvolvendo um ótimo trabalho na Assembleia Legislativa da Paraíba. Quem vem comandando a equipe de seu gabinete é a sua esposa, Fátima de Major Chiquinho e os resultados têm sido muito bons.

Burburinhos
Ainda ressoam algumas conversas de bastidores “ouvidas” na festa de aniversário da prefeita de Cajazeiras – Dra. Denise: que o ótimo trabalho que vem desenvolvendo frente à secretaria de Ação Social, a vereadora Léa Silva, poderia vir a ser a candidata à vice-prefeita da Dra. Denise e já teria até um mote: “se com uma mulher está uma beleza, imagine com duas”.

700 km de estradas
O Tribunal de Contas do Estado estaria realizando uma investigação para detectar um volume de recursos na ordem de R$1.300,000, 00, gastos na recuperação de cerca de 700 quilômetros de estradas vicinais no município de Cajazeiras.

700 km de estradas 2
O fato mais interessante nesta questão é que a Secretaria de Desenvolvimento Rural do Município de Cajazeiras deverá estar concluindo a recuperação de todas as estradas vicinais e a contagem de quilômetros não atingirá os 380. Como explicar esta diferença?

Severino Dantas X Jeová
O ex-deputado estadual Jeová Campos (ex-PT e agora no PSB), sempre colaborou nas campanhas em que Severino Dantas (PT) foi candidato a vereador em Cajazeiras e pelo andar da carruagem, Severino não votará/apoiará Jeová para deputado estadual: o motivo – a mudança de legenda de Jeová. Os velhos companheiros agora parecem ter uma linguagem diferente. Jeová lamenta.

Sem defesa
O secretário de Interiorização da Ação do governo do Estado, Carlos Antônio Araújo de Oliveira, só está sendo investigado em uma ação de improbidade administrativa ajuizada pelo Ministério Público Federal (MPF), na época prefeito de Cajazeiras, para apurar denúncias de irregularidades na execução e prestação de contas relativas a um convênio firmado entre o governo federal e a Prefeitura de Cajazeiras em 2008, porque teria solicitado a documentação à prefeitura e lhe teria sido negado.

Sem defesa 2
De acordo com o MPF, Carlos Antônio Araújo de Oliveira não prestou contas de R$ 324 mil obtidos através de convênio nº 113/2006 firmado com o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS). Agora estando na prefeitura, através de sua esposa Denise Oliveira, vai ter a oportunidade de ampla defesa, que segundo seu advogado, já está sendo providenciada. Cabe recurso até o Supremo Tribunal Federal.

Gazeta do Alto Piranhas

CALDEIRÃO POLÍTICO

VÍDEO: Aliado releva que dois vereadores de oposição estão rasgando elogios ao prefeito Airton Pires

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe o professor Sérgio Cunha divulgando o IV Open paraibano de Karatê; Confira!

CASA NOVA

Locutor esportivo troca de emissora de rádio em Cajazeiras e revela mágoa: “Tomei uma pancada violenta”

NOVIDADES

VÍDEO: Novo padre da Paróquia São João Bosco confirma que pretende revitalizar a Praça Camilo de Holanda