header top bar

section content

Bolsonaro nomeia secretário da Abin para a direção-geral da PF

Ato foi publicado em edição extra do Diário Oficial da União

Por Agência Brasil

04/05/2020 às 10h50

Rolando Alexandre (Foto: Márcio Ferreira / Governo de Alagoas)

O presidente Jair Bolsonaro nomeou o delegado Rolando Alexandre de Souza para o cargo de diretor-geral da Polícia Federal (PF). O decreto foi publicado em edição extra do Diário Oficial da União na manhã desta segunda-feira (4).

Souza ocupava a Secretaria de Planejamento e Gestão da Agência Brasileira de Inteligência (Abin).

A nomeação do delegado ocorre após o Supremo Tribunal Federal (STF) suspender a nomeação e a posse de Alexandre Ramagem para a diretoria-geral da PF. Na decisão, o ministro Alexandre de Moraes, do STF, citou declarações do ex-ministro da Justiça Sergio Moro que, ao deixar o cargo, acusou o presidente Bolsonaro de tentar interferir politicamente no órgão.

Após a decisão de Moraes, o próprio presidente tornou sem efeito a nomeação do delegado e manteve Ramagem como diretor-geral da Abin, cargo que ocupa desde o início do governo.

FILHA DENUNCIOU

VÍDEO: Médico se nega a atender idosa com câncer avançado no hospital de Ipaumirim-CE e gera revolta

PANDEMIA NA PARAÍBA

VÍDEO: Secretário de Saúde fala quais fatores serão levados em conta para flexibilizar isolamento na PB

NA UTI E NAS ENFERMARIAS

VÍDEO: 11 pessoas se curaram da Covid-19 no Hospital Regional de Cajazeiras nos últimos cinco dias

ÍDOLO DA TORCIDA ALVIAZULINA

VÍDEO: Goleiro que fez história com a camisa do Atlético de Cajazeiras nos anos 90, morre no Pernambuco

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!