header top bar

section content

Mulher se recusa a fazer sexo com marido e é ameaçada de morte com facão em Cajazeiras

O acusado já havia sido denunciado outra vez por Gilmara Marques, quando o mesmo ateou fogo na residência do casal.

Por

13/07/2015 às 18h11

  

A Força Tática da Polícia Militar (PM) de Cajazeiras prendeu nesta segunda-feira (13), José Viana da Silva, 46, acusado de tentar matar com um facão a própria esposa, Gilmara Marques da Silva, de 37 anos.

O fato ocorreu no Bairro da Esperança e segundo a vítima, José Viana ficou enfurecido e tentou matá-la por ela recusar a fazer sexo com o esposo.

O acusado já havia sido denunciado no mês de março deste ano por Gilmara Marques, quando o mesmo ateou fogo na residência do casal.

Gilmara informou que estava doente e por este motivo não cedeu as tentativas de bem querer do esposo. “Eu estava doente e disse a ele que não estava podendo. Ele queria fazer as 'coisas', mas eu estava menstruada”.

A vítima contou ainda, que sua filha de sete anos e não aceita mais que ela conviva com José Viana. 

A PM encaminhou vítima e acusado para a Delegacia Civil de Cajazeiras.

Contra José Marques havia um mandado de prisão aberto. Ele foi encaminhado para o Presídio Padrão de Cajazeiras.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
ESTÁ NA CAPITAL DESDE 2015

EXCLUSIVO: Após três anos, lendário padre de Cajazeiras revela o que motivou sua ida para João Pessoa

AMOR E FÉ

ESPECIAL DE FÉRIAS: Crianças e adolescentes de Cajazeiras e Sousa abrilhantam programa na TV Diário

AUXILIAR DO TROVÃO

VÍDEO: Agora no Atlético-PB, ex-jogador do Corinthians está confiante em vaga no Brasileirão da Série D

SAÚDE & BEM-ESTAR

VÍDEO: Médico alerta para consequências do uso excessivo de alguns medicamentos no aparelho digestivo