header top bar

section content

Entenda o que acontece no Brasileirão feminino e como apostar nos seus times favoritos

Em reta final da primeira fase, Campeonato Brasileiro Feminino pega fogo; Entenda como funciona a competição e situação atual

Por Luana Biral/ Parceria

04/07/2022 às 09h10 • atualizado em 02/07/2022 às 15h30

Fonte: CBF

As casas de apostas estão em todo o mundo, mas no Brasil perceberam uma grande oportunidade de atrair mais apostadores e, com isso, passaram a investir pesado em equipes e competições.

E quando falamos disso não estamos citando apenas na categoria masculina, o futebol feminino brasileiro também tem atraído investidores estrangeiros como a Betfair, patrocinadora do Palmeiras, que contribui com valores bem interessantes para que os clubes possam montar bons times.

Isso contribui para o desenvolvimento do futebol feminino no país, e uma prova de como vem dando certo é o Campeonato Brasileiro, competição em andamento que está pegando fogo e proporcionando jogos bem interessantes.

Como funciona a competição?

Na primeira divisão do Campeonato Brasileiro Feminino são 16 equipes. Todos se enfrentam em turno único, totalizando 15 rodadas. Dessa forma, os melhores da edição anterior realizam oito em casa e sete jogos fora, enquanto os piores classificados têm o cenário inverso.

Após as 15 rodadas, os quatro piores são rebaixados, enquanto os oito melhores garantem a classificação para a próxima fase.

A partir de então, os confrontos são definidos pela classificação, com o líder enfrentando o oitavo, nas quartas de finais, em dois jogos, sempre com o melhor colocado decidindo em casa.

Quem perder no agregado está fora, enquanto o vencedor avança para a semifinal. Nela, o sistema segue o mesmo, assim como na final, até chegarmos ao grande campeão da temporada.

Entre os últimos campeões, o Corinthians levou em 2021 e 2020, atual bicampeão. Além disso, também ficou com o título em 2018. No meio disso, em 2019, a Ferroviária, de Araraquara-SP, foi a campeã.

Fonte: Jovem Pan

Em 2017, 2016 e 2015, respectivamente, Santos, Flamengo e Rio Preto ficaram com o título. Além disso, o Centro Olímpico levou em 2013, na primeira edição, e a Ferroviária em 2014.

Como apostar na competição

Para apostar na competição é necessário ser maior de idade e ter uma conta devidamente cadastrada em uma casa de apostas que opere dentro da lei, com todas as suas licenças e regulamentações ativas.

A boa notícia é que são várias opções e você poderá optar pela empresa que mais te agradar. Com a conta criada, basta colocar saldo, analisar bem os jogos e pronto, é só apostar e torcer.

Porém, sempre ressaltamos a importância de apostar com responsabilidade, e indicamos a leitura de análises e prognósticos de sites especializados para te ajudar nesta missão.

Atualmente, o Campeonato Brasileiro Feminino está na 14ª rodada, portanto, faltam dois jogos para cada equipe. Eles vão ocorrer no começo de agosto.

A situação é a seguinte: Bragantino e Cresspom já estão rebaixados, enquanto Esmac e São José estão com um pé na segunda divisão. Quem corre risco também é o Cruzeiro, mas tem quatro pontos do Z4.

Do outro lado da tabela, Palmeiras, Internacional, São Paulo e Corinthians estão no G4 e já classificados. Fechando o G8, Flamengo, Real Brasília, Santos e Atlético Mineiro, mas todos bem embolados. Ainda na briga, vem a Ferroviária, Avaí/Kindermann e o Grêmio, separados apenas por um ponto.

Tags:
PARABÉNS

VÍDEO: Reitor da UFCG, Antônio Fernandes é o melhor educador em 2021, aponta pesquisa Os Melhores do Ano

PARABÉNS

VÍDEO: Pesquisa Os Melhores do Ano aponta o Cartório Antônio Holanda como o melhor de Cajazeiras em 2021

PARABÉNS

VÍDEO: Madeireira Piranhense é eleita como a melhor de Cajazeiras conforme pesquisa Os Melhores do Ano

PARABÉNS

VÍDEO: Chefe do Procon de Cajazeiras é eleito destaque do setor público pela pesquisa Os Melhores do Ano

Recomendado pelo Google: