header top bar

section content

Veja: Em parceria com faculdade de Direito, presídio de Cajazeiras ganha setor jurídico

O projeto é da Faculdade São Francisco da Paraíba e conta com o apoio da Defensoria Pública.

Por

25/10/2014 às 18h32

Evento realizado no presídio de Cajazeiras

Foi inaugurado nessa sexta-feira (24), o setor judiciário no presídio regional de Cajazeiras. Com o objetivo de resgatar a dignidade dos detentos do sistema carcerário, foi entregue uma sala exclusiva para o apoio jurídico aos detentos.

O projeto é da Faculdade São Francisco da Paraíba e conta com o apoio da Defensoria Pública. 

Durante a inauguração da sala, dois detentos receberam o certificado do curso “Garçom Básico”, que foi promovido pelo SENAC em parceria com o Presídio Regional de Cajazeiras.

A solenidade contou ainda com a participação do Defensor Público Luís Humberto, o diretor do presídio Jailson Santos, agentes penitenciários, o professor Neuribertson Leite, além de alunos do curso de Direito da Faculdade São Francisco 

Depoimentos
O professor da faculdade, Neuribertson Leite destacou a colaboração do curso para ajudar nesse projeto cidadão. “Esse passo é muito importante para os apenados e para os alunos que vão praticar os conhecimentos vistos no curso”.

Luís Humberto comemorou a conquista no presídio de Cajazeiras e disse que os processos podem ser agilizados com a ajuda dos estudantes. “O apenado que tiver direito será acompanhado agora mais de perto”.

Já o diretor Jailson Santos afirmou que o setor jurídico é um aporte técnico aos apenados, além de levar conhecimento aos estudantes. “Aquele que tiver direito de progressão, ele vai conseguir o benefício”.

Veja Vídeo!

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

Recomendado para você pelo google

DIRETO AO PONTO

VÍDEO: Se reforma da Previdência não cortar privilégios, sociedade deve ‘gritar’ contra ela, diz padre

INFRAESTRUTURA

VÍDEO: Chuvas destroem ruas de Cajazeiras que não são pavimentadas e moradores cobram ação da Prefeitura

VETERANO DA MÚSICA

VÍDEO: Em Cajazeiras, cantor de renome nacional critica sertanejo universitário: “Virou uma baderna”

COBRA REAJUSTE DE 2018

VÍDEO: Sindicalista elogia Zé Aldemir por salário de professores, mas diz que felicidade é ‘entre aspas’