header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Polícia prende acusado de Latrocínio que escondia droga em bolsa de bebê. Veja vídeo!

Na casa que funcionava como ponto de comercialização de drogas a Polícia Civil encontrou parte da droga escondida em uma bolsa de bebê. Veja vídeo!

Por

01/06/2013 às 11h17

O Grupo Tático Especial (GTE) da Policia Civil, realizou uma Operação na manhã deste sábado (01), e conseguiu desarticular um ponto de venda de drogas no Conjunto Nossa Senhora de Fátima, na cidade de Sousa.

Durante a abordagem da Polícia Civil, um indivíduo conhecido por Jaílson, conseguiu pularo muro da residência e fugir. Continuando as diligências, o GTE conseguiu capturar o acusado Francisco de Assis Ferreira de Andrade, mais conhecido como “Nego Tida”, de 27 anos.

Na casa que funcionava como “Boca de Fumo”, os policiais civis encontaram maconha escondida em uma bolsa de bebê.

Veja abaixo a lista de material apreendido:

13 porções de maconha pronta para venda
 11 pedras de crack prontas para venda
 11 tabletes de maconha pesando 530 gramas
 01 tablete de crack (100 gramas)
01 revólver calibre 38 com 9 munições intactas.
R$ 147 em dinheiro

Na delegacia, “Nego Tida” disse aos agentes que a droga pertencia a um popular conhecido como Jailson que lhe pagava 50 reais por semana para comercializar as drogas.

O acusado foi autuado em flagrante pelo crime de tráfico de drogas e em seguida encaminhado à Colônia Penal Agrícola do Sertão, onde ficou a disposição da Justiça.

Drogas
Em entrevista à reportagem do Diário do Sertão em Sousa, o acusado revelou que há cerca de um mês, abandonou o serviço de catador de lixo e se envolveu com a venda de drogas. "Nedo Tida" ganhava R$ 50 por semana para comercializar a maconha e o crack.

Assista abaixo a reportagem completa!

Latrocínio
Francisco de Assis Ferreira de Andrade, estava foragido da Justiça, pois responde pelo crime de latrocínio (roubo seguido de morte) ocorrido no ano de 1994, contra um vigilante na cidade de Sousa. “Nego Tida” foi condenado a 33 anos de prisão.

Charley Garrido do DIÁRIO DO SERTÃO em Sousa

Tags:
HERANÇA ARTÍSTICA

VÍDEO: Filho de grande nome da música brasileira agita a Festa do Brega no Cajazeiras Tênis Clube

EM JOÃO PESSOA

VÍDEO E FOTOS: Posse da nova diretoria da API é marcada por repentes, lançamento de livro e emoção

DUPLA CERIMÔNIA

VÍDEO: OAB lança em Cajazeiras as chapas para as eleições da Seccional Paraíba e da Subseção local

EX-ALIADO

VÍDEO: Vereador revela que defender professores foi a ‘bomba’ que iniciou rompimento com José Aldemir