header top bar

section content

Duas presas morrem carbonizadas em rebelião dentro de Penitenciária Feminina da PB

Detentas morrem carbonizadas em rebelião na Penitenciária Feminina do Serrotão em CG

Por

05/01/2012 às 19h45

As detentas da Penitenciária Feminina de Campina Grande, que fica no Complexo Penitenciário do Serrotão decretaram nesta quinta-feira (05) uma rebelião, onde provocaram incêndios dentro da unidade e duas mulheres que estavam na cela isolada acabaram morrendo carbonizadas.

De acordo com a Polícia Militar, o tumulto teve início quando as presas estavam em atividade recreativa e pode ter sido gerado devido a desavenças internas entre as próprias detentas que queimaram vários móveis e colchões.

Houve muito tumulto e várias equipes da Polícia Militar foram deslocadas para a unidade prisional. Com o início das chamas, o Corpo de Bombeiros e o Samu também foram acionados.

Algumas presas sofreram ferimentos leves e também princípio de intoxicação por conta da fumaça, mas foram atendidas pelos médicos e em seguida liberadas. Já as duas presas que morreram carbonizadas, ainda não tiveram a identidade revelada.

Equipes da Polícia Civil, IPC e Numol estão no presídio realizando as perícias e os levantamentos na tentativa de esclarecer o ocorrido. Até agora, a direção da Penitenciária Feminina do Serrotão não se pronunciou sobre o ocorrido.

DIÁRIO DO SERTÃO com PB Agora

Tags:
MUITO ESTRAGO

VÍDEOS: Chuva com vendaval causa destruição de prédios em Cajazeiras e Sousa e assusta moradores

DE 22 A 27 DE JANEIRO

VÍDEO: Teatro Ica completa 34 anos em Cajazeiras com extensa e diversificada programação cultural

DE 2017 PARA ESTE ANO

VÍDEO: São José de Piranhas tem aumento alarmante de homicídios em 2018; confira balanço da PM na região

VIXE!

VÍDEO: Vidente detalha futuro da imprensa de Cajazeiras e prevê mortes: “Não chega às festas juninas”