header top bar

section content

Governo reduz para R$ 1.031 estimativa de salário mínimo para 2020

Valor consta de mensagem modificativa do Orçamento

Por CBF

27/11/2019 às 08h45

Redução no salário mínimo previsto para 2020 (Foto: Agencia Brasil)

O salário mínimo para o próximo ano ficará em R$ 1.031, anunciou no fim da tarde de hoje (26) o secretário especial de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues. O valor representa redução de R$ 8 em relação ao projeto de lei do Orçamento Geral da União do próximo ano, que previa mínimo de R$ 1.039 para o próximo ano.

O novo valor do mínimo consta de mensagem modificativa do Orçamento de 2020 enviada hoje (26) pelo governo ao Congresso Nacional. Segundo Rodrigues, a queda da projeção se justifica pela redução das estimativas da inflação pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) para o próximo ano.

A mensagem modificativa reduziu para 3,5% a estimativa para o INPC em 2020, meio ponto percentual a menos que a projeção de 4% que constava no projeto de lei do Orçamento. A previsão do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), usado como índice oficial de inflação, caiu de 3,9% para 3,5%.

A estimativa de crescimento para a economia, em contrapartida, aumentou de 2,17% para 2,32%. A estimativa para a cotação média do dólar no próximo ano aumentou de R$ 3,80 para R$ 4.

Ao anunciar a revisão das estimativas, Rodrigues destacou que a nova política para o salário mínimo só será decidida nas próximas semanas pelo presidente Jair Bolsonaro. O secretário de Fazenda, no entanto, diz que o valor servirá de referência para o Palácio do Planalto.

Recomendado para você pelo google

DESTAQUE

VÍDEO: Projeto de microcrédito coordenado por cajazeirense vence prêmio internacional em São Paulo

SE SENTINDO TRAÍDO

VÍDEO: Ricardo cita nomes responsáveis por racha e rejeita amizade com João: “Está na página deplorável”

FIM DO SONHO?

VÍDEO: Membro do comitê pede explicações sobre a não entrega do projeto do HU do Sertão dentro do prazo

VÍDEO

Júnior promete apoiar Denise para disputar prefeitura de Cajazeiras e denuncia gestão de Zé Aldemir