header top bar

section content

Ao comentar atuação em nova comissão, Lira garante que Congresso vai melhorar situação fiscal

Raimundo Lira também advertiu que não há como contornar as crises política e econômica sem determinação, personalidade e patriotismo.

Por

02/09/2015 às 15h41

Lira garante que Congresso vai melhorar situação fiscal

Com visão otimista do Brasil, e de superação da crise, o senador Raimundo Lira (PMDB-PB) disse nesta quarta-feira (02) que o Congresso Nacional poderá colaborar para melhorar a situação fiscal do País. Lira, que foi indicado pelo PMDB para integrar, na qualidade de membro titular, a Comissão Especial do Desenvolvimento Nacional, garantiu que as duas Casas – Câmara e Senado – estão dispostas a ajudar o País a vencer a crise.
 
Na condição de economista e empresário, Lira destacou a importância de os parlamentares analisarem, com detalhes, a proposta do Orçamento de 2016. O projeto (PLN 7/2015), que prevê um déficit de R$ 30,5 bilhões para o próximo ano, foi entregue pelos ministros do Planejamento, Nelson Barbosa, e da Fazenda, Joaquim Levy, ao presidente do Senado Renan Calheiros (PMDB-AL).
 
Concordando com Renan, Raimundo Lira disse que o governo enviou ao Congresso um orçamento “realista”. Na visão do parlamentar, a economia “precisa andar”, para gerar mais receitas e empregos. No entanto, o governo também precisa fazer a sua parte, cortando despesas e aumentando a eficiência do gasto público. Para ele, o aumento de impostos não pode ser visto como caminho único para cobrir o déficit do governo.
 
Em defesa do Brasil – Em recente pronunciamento no Senado, depois de observar que o Brasil vive duas crises conjugadas, Raimundo Lira disse ser uma obrigação intransferível do Senado Federal ajudar o país a superar a crise política para, depois, contribuir para a solução das dificuldades econômicas.
 
Para isso, ele considera essencial que o Senado exerça seu papel constitucional de casa revisora e de poder moderador. Raimundo Lira ressaltou que a Constituição exige a idade mínima de 35 anos para que alguém chegue ao Senado exatamente porque o senador precisa ter uma larga experiência.
 
– O Senado tem o papel histórico de ajudar o Brasil a sair dessa crise política. E, em seguida, ajudar na pauta econômica, para que possamos recuperar, num prazo relativamente curto, o crescimento econômico do nosso País. É bom para o Brasil, é bom para o povo brasileiro. E nós temos essa obrigação – disse o senador.
 
Raimundo Lira também advertiu que não há como contornar as crises política e econômica sem determinação, personalidade e patriotismo.

Assessoria

Tags:

VÍDEO: Psicologia no Ar recebe diretores e psicóloga de organização que promove cidadania em Cajazeiras

NOVIDADES

Xeque-Mate visita lançamento do novo plano da Eletrosorte, que firmou parceria com gigante dos seguros

FUTEBOL DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Dirigentes e ex-jogadores relembram histórias marcantes do Duque de Caxias, que completou 50 anos

VÍDEO: Programa de rádio que é sucesso na região de Campina fecha parceria com emissora de Cajazeiras