header top bar

section content

Contratos de obras públicas devem ter mais divulgação na internet

Se não houver recurso pela votação em Plenário, a proposta segue para a Câmara dos Deputados.

Por

12/11/2014 às 15h45

Projeto de Vital garante divulgação de contratos

Foi aprovado na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), nesta quarta-feira (12), projeto do senador Vital do Rêgo (PMDB-PB) com objetivo de assegurar mais divulgação, pela internet, das obras e serviços públicos em andamento. Se não houver recurso pela votação em Plenário, a proposta segue para a Câmara dos Deputados.
 
“Aprovado na CCJ Projeto de Lei de minha autoria (289/13) que obriga empresas a divulgarem informações sobre o andamento de obras públicas”, disse o senador pelo twtter. O PLS/289/2013 determina que tanto a administração pública quanto as empresas contratadas divulguem informações detalhadas em seus sites. Pelo texto, deverão ser publicadas informações atualizadas sobre os cronogramas de execução e de pagamento dos serviços e obras, com dados detalhados sobre prazos e custos de cada etapa. A ideia é inserir novos dispositivos na Lei de Licitações (Lei 8.666/1993) para impor a exigência.
 
Vital do Rêgo afirma, na justificação do projeto, que a divulgação de informações sobre as obras públicas e os serviços contratados é essencial para aumentar a transparência sobre a gestão pública. “Com acesso franqueado a esses dados, os cidadãos podem acompanhar de perto e fiscalizar diretamente a execução dos contratos celebrados”, salienta.
 
Fica claro na proposta que as novas exigências não excluem medidas de transparência já previstas na Lei de Acesso a Informações (Lei nº 12.527/2011), que regulamentou o direito constitucional do cidadão às informações públicas.
 
Essa lei impõe exigências apenas sobre órgão e entidade públicos, sem se estender aos contratados. De forma mais genérica, situa entre os deveres, independentemente de pedido, a divulgação de informações relativas aos procedimentos licitatórios, inclusive editais e resultados, bem como os contratos.
 
O relator, senador Aloysio Nunes (PSDB-SP), ressaltou a importância do projeto diante da “crescente demanda social por moralidade e transparência na gestão pública”.
 
“A possibilidade de acesso aos dados relativos às obras e serviços contratados pela Administração Pública permite que os cidadãos brasileiros acompanhem de perto e diretamente fiscalizem a execução dos contratos celebrados por esta”, afirmou.

Assessoria

Tags:

Recomendado para você pelo google

DIRETO AO PONTO

VÍDEO: Após fazerem as ‘pazes’, Jeová e Júnior vão dividir cargos na saúde com Estela, diz comentarista

ECOTROTE

VÍDEO/FOTOS: Trote diferente da Faculdade Santa Maria conscientiza novatos a cuidarem do meio ambiente

QUE VENHA MAIS!

VÍDEO! Sousa registrou maior chuva da Paraíba em 2019 e açude São Gonçalo aumenta 61 centímetros

SONHO REALIZADO

VÍDEO/FOTOS: Prefeitura de Cajazeiras realiza sorteio de 300 apartamentos e evento é marcado pela emoção