header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Efraim Filho defende 10% do PIB para Educação e Escolas Especiais

Esse é um dos pontos mais polêmicos do PNE, já que o governo defende a destinação de 7% do PIB para a área.

Por

09/04/2014 às 14h51

O deputado federal Efraim Filho (Democratas-PB) membro da Comissão Especial que analisa o Plano Nacional de Educação – PNE defende que 10% do Produto Interno Bruto (PIB) até 2020 sejam investidos na educação. Esse é um dos pontos mais polêmicos do PNE, já que o governo defende a destinação de 7% do PIB para a área.

Efraim Filho também destacou que o PNE pretende universalizar, para a população de quatro a dezessete anos, o atendimento escolar aos alunos com deficiência, transtornos globais do desenvolvimento e altas habilidades ou superdotação, preferencialmente, na rede regular de ensino, garantindo o atendimento educacional especializado em salas de recursos multifuncionais, classes, escolas ou serviços especializados, públicos ou comunitários, nas formas complementar e suplementar, em escolas ou serviços especializados públicos ou conveniados.

“Temos que tratar a educação em nosso Brasil como prioridade, porque só assim poderemos acabar com a política paliativa, com a política de remendos, uma vez que melhorarmos a educação do nosso país é atacar os nossos problemas em sua origem” concluiu Efraim Filho.

Da secom

Tags:
ASSISTA

VÍDEO: ‘Mensagem de Esperança’ debate o mundo e o mal, sexo e outros temas

PARTICIPE!

VÍDEO: Gerente do Sebrae fala de revolução tecnológica em feira de Cajazeiras e convida empreendedores

PLANOS E METAS

VÍDEO: Cantor explica como pretende administrar o Atlético e declara que o problema do clube é político

CAMPEONATO PARAIBANO 2019

VÍDEO: Após vistoria técnica, representantes da CBF elogiam o estádio Perpetão: “É um dos melhores”