header top bar

section content

Motorista envolvido no acidente com Shaolin pode ser condenado e pegar 4 anos de prisão

O julgamento está marcado para o dia 13 março de 2012 em uma audiência única.

Por

01/12/2011 às 17h29

O motorista do caminhão envolvido no acidente que deixou gravemente ferido o humorista Shaolin, Jobson Clemente pode pegar até quatro anos de prisão, disse o promotor Luciano Maracajá, nesta quinta-feira (01).

Shaolin dirigia pela BR-230, em Campina Grande, no dia 18 de janeiro deste ano, quando o caminhoneiro, que estava no sentido contrário, atravessou a pista e bateu no carro do humorista. Jobson Clemente deixou o local sem prestar socorro e se apresentou à polícia somente alguns dias depois.

O caminhoneiro é acusado de dois crimes: lesão corporal e omissão de socorro. "Juntando as penas previstas pelos dois crimes, o réu pode pegar até quatro anos de prisão", afirmou Maracajá.

Julgamento
O julgamento de Jobson Clemente está marcado para o dia 13 março em uma audiência única, em que o juiz pode declarar a sentença no mesmo dia. Caso não se sinta à vontade para isso, explicou o promotor, o juiz tem até dez dias para divulgar a decisão. Primeiro serão ouvidas as testemunhas da acusação e depois as da defesa. O réu é então interrogado e, em seguida, o juiz declara a sentença.

Há 25 dias, o acusado apresentou sua defesa por escrito na qual diz que não teve intenção de ferir a vítima. "Ele alega que foi uma fatalidade, mas o réu é o único culpado pelo acidente", disse.

DIÁRIO DO SERTÃO com informações do UOL

Tags:

Recomendado para você pelo google

EVANGÉLICO DE OPOSIÇÃO

VÍDEO: Pastor de Cajazeiras diz que Bolsonaro está destruindo o país e não levou facada: “Foi uma farsa”

EM SOUSA

Radialista revela que “vítima da mão pesada e dos chutes do prefeito Tyrone” disputará eleições em 2020

VÍDEO

Comandante do Corpo de Bombeiros aponta possíveis causas do incêndio no lixão de Cajazeiras

SAÚDE

VÍDEO: Programa Xeque Mate fala sobre a saúde de Cajazeiras e recebe popular e diretoras do HUJB e HRC