header top bar

section content

Cedmex suspende atendimento nesta sexta-feira e retoma atividades no dia 2

Nos próximos dias serão divulgadas de forma antecipada as datas em que o atendimento será suspenso.

Por Luzia de Sousa

27/12/2018 às 09h35

Os Centros Especializados de Dispensação de Medicamentos Excepcionais (Cedmex) de todo o estado irão suspender o atendimento ao público nesta sexta-feira (28). Como acontece todos os meses, no último dia útil é realizado o balanço mensal no estoque de medicamentos e verificada a necessidade de novos pedidos, portanto, neste dia não acontecem entrega de medicamentos nem o cadastro de novos pacientes. Com o ponto facultativo da próxima segunda-feira (31) e o feriado do dia 1º, as atividades serão retomadas somente na próxima quarta-feira (2).

Nos próximos dias serão divulgadas de forma antecipada as datas em que o atendimento será suspenso nos meses seguintes para evitar transtornos para os usuários do Cedmex, especialmente para aqueles que residem fora dos municípios onde estão localizadas as 12 sedes das Gerências Regionais de Saúde (GRS) do Estado.

Atualmente, o Cedmex tem 34.225 usuários cadastrados em todos o Estado e, entre eles, 21 mil residem na abrangência da sede da 1ª Gerência Regional, em João Pessoa. O serviço é responsável pelo tratamento de 88 patologias, na sua maioria doenças crônicas e de alto custo, contemplando 273 apresentações farmacêuticas.

O Cedmex distribui medicamentos de alto custo que são adquiridos diretamente pelo Ministério da Saúde, financiados com recursos repassados pelo Governo Federal ou pela própria Secretaria de Estado da Saúde (SES).

ESTÁ NA CAPITAL DESDE 2015

EXCLUSIVO: Após três anos, lendário padre de Cajazeiras revela o que motivou sua ida para João Pessoa

AMOR E FÉ

ESPECIAL DE FÉRIAS: Crianças e adolescentes de Cajazeiras e Sousa abrilhantam programa na TV Diário

AUXILIAR DO TROVÃO

VÍDEO: Agora no Atlético-PB, ex-jogador do Corinthians está confiante em vaga no Brasileirão da Série D

SAÚDE & BEM-ESTAR

VÍDEO: Médico alerta para consequências do uso excessivo de alguns medicamentos no aparelho digestivo