header top bar

section content

Sem dinheiro, pedreiro de São João do Rio do Peixe ajuda mais de 100 pessoas e é destaque na Rede Globo

O pedreiro não tem dinheiro, não é político, nem influente na cidade, mas usa sua voz e sua boa vontade para ajudar as pessoas. Confira o vídeo!

Por

04/01/2016 às 17h26

O pedreiro Erivaldo Braga, mais conhecido por Beto, 44 anos, morador da cidade de São João do Rio do Peixe faz de tudo para ajudar o próximo e por conta disso foi destaque na TV Paraíba, afiliada da Rede Globo na Paraíba.

Veja mais!

Mais um médico de Cajazeiras é destaque na Globo; Ele trata de criança com doença rara

Médico de Cajazeiras é destaque no Fantástico da Globo e fala sobre caso raro. Veja vídeo!

Ex-morador de Rua do Distrito Federal, o pedreiro divide seu tempo entre o trabalho para sustentar a família e as campanhas para ajudar pessoas, especialmente àquelas que são acometidas de doenças.

Uma das ajudas do Beto foi para o jovem Júnior Cruz, 21 anos, que Ele trabalhava de entregador num supermercado do município, mas sua vida mudou em janeiro do ano passado quando sofreu um acidente enquanto trabalhava. O colega de Júnior faleceu e ele teve lesão na coluna e ficou tetraplégico. 

Beto faz campanha pelas ruas usando um mega fone para chamar a atenção da população e está arrecadando dinheiro para compra um equipamento que vai melhorar a vida do jovem que ficou sem o movimento das pernas.

O pedreiro não tem dinheiro, não é político, nem influente na cidade, mas usa sua voz e sua boa vontade para ajudar as pessoas. Ele já realizou mais de 100 campanhas solidárias.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

Recomendado para você pelo google

HOMENAGEM

VÍDEO E FOTOS: Familiares e amigos celebram o centenário do cajazeirense, José Rolim Guimarães

CULTURA

Professoras da UFCG de Cajazeiras lançam livro sobre ‘Ética, Bioética e Controle Social da Ciência’

RELIGIÃO

VÍDEO: Festa de Nossa Senhora da Guia, padroeira de Patos é oficialmente lançada. Confira a programação!

SOLUÇÃO

VÍDEO: Continuando série sobre o lixão, Xeque Mate fala de ações para resolver problemática do lixão