header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Prefeito de Santa Helena entrega escolas e anuncia festa grátis com dupla nacional

Comemorando 54 anos, Santa Helena conta com vários eventos festivos e sociais.

Por

11/12/2015 às 16h00

O prefeito da cidade de Santa Helena, Emanoel Messias (PSD) falou a TV Diário do Sertão nesta quinta-feira (10), sobre a programação de emancipação política do município. Comemorando 54 anos, Santa Helena conta com vários eventos festivos e sociais.

Emanoel Messias anunciou a entrega de uma nova escola, totalmente equipada, no Sítio Malhada Bonita, construída com recursos do governo do estado em parceria com o município. 

?

“Vamos entregar esta grande obra com toda estrutura para garantir uma melhor educação aos nossos alunos”. Comemorou o prefeito.

Investindo quase R$ 600 mil, a escola será inaugurada nesse sábado (12), quando será realizada também, grande festa em praça pública com duas bandas de forró, Forró de Arromba, Tora Chinela e a dupla reconhecida nacionalmente, Sirano e Sirino.

 

O gestor convidou a população de Santa Helena e a nação forrozeira da região para prestigiar o evento, que será totalmente gratuito, além de anunciar mais de oito mil metros de calçamento. “Apesar da crise não poderíamos deixar de comemorar as importantes conquistas do nosso município”.

 

Ele ainda vai inaugurar a reforma de uma escola no Distrito de Várzea da Ema. “Foi totalmente reforma, inclusive com quadra de esporte”.

O prefeito reconheceu a parceria do governador Ricardo Coutinho (PSB) e o definiu como atuante e amigo.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
BLACK FIADO

VÍDEO: Conheça a versão mais popular da Black Friday que agita o comércio de Cajazeiras durante 30 dias

DESTAQUES DA SEMANA

VÍDEO: Repercussão da entrevista de José Aldemir encabeça as polêmicas do Direto ao Ponto desta terça

PROGRAMA DE MÚSICA

VÍDEO: Confira as novidades que vêm aí na nova temporada do Acústico Diário com cantor cajazeirense

VÍDEO

Secretário responde a sindicato e diz que acusações contra prefeito de Cajazeiras podem parar na Justiça