header top bar

section content

Choradeira do Conselho Tutelar, confusão na eleição e cobrança sobre novos conselheiros no Direto ao Ponto

Aristênio lembrou que, independente das dificuldades, o trabalho dos novos conselheiros será cobrado. “Sem choro de que não tem carro, nem telefone"

Por

05/10/2015 às 15h46

O radialista Aristênio Marques em seu comentário Direto ao Ponto para a TV Diário do Sertão nesta segunda-feira (05) mandou um recado para os novos conselheiros tutelares eleitos nesse domingo (04) em Cajazeiras. De acordo com o radialista, é do conhecimento de todos que o Conselho Tutelar do município não tem condições de trabalho e mesmo assim, uma lista de pessoas se candidatou para as cinco vagas.

Leia também: Eleitores causam tumulto durante votação para escolha dos conselheiros tutelares. Veja

“Já sabiam que falta condições e mesmo assim colocaram seus nomes. Será que vão trabalhar com todo vigor?” Indagou.

Aristênio lembrou que, independente das dificuldades, o trabalho dos novos conselheiros será cobrado. “Sem choro de que não tem carro, nem telefone. Vão ser cobrados por mim e por toda a imprensa”, disse.

O radialista criticou também a falta de espaço no colégio Dom Moisés Coelho e a confusão que marcou a eleição desse domingo. “Muita gente querendo votar e apenas um local para votação”.

Para Aristênio, a escola não contou com apoio total da Justiça Eleitoral, pois, nem foram disponibilizadas as urnas eletrônicas, nem outros locais de votação em outros setores do município.
 

DIÁRIO DO SERTÃO 

Tags:

VÍDEO: Psicologia no Ar recebe diretores e psicóloga de organização que promove cidadania em Cajazeiras

NOVIDADES

Xeque-Mate visita lançamento do novo plano da Eletrosorte, que firmou parceria com gigante dos seguros

FUTEBOL DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Dirigentes e ex-jogadores relembram histórias marcantes do Duque de Caxias, que completou 50 anos

VÍDEO: Programa de rádio que é sucesso na região de Campina fecha parceria com emissora de Cajazeiras