header top bar

section content

Psicóloga diz que exclusão a homossexuais pode começar na família e revela comportamentos

Ela disse que o comportamento de pessoas excluídas apresenta características como: distanciamento, desmotivação, entre outros.

Por

04/09/2015 às 15h46

A psicóloga Thalita Langbehn falou do seu comentário “Direto ao Ponto” desta sexta-feira (04), sobre a exclusão social, que segundo ela, começa dentro de casa.

Thalita Langbehn revelou que no seio familiar ocorre geralmente quando a criança começa descobrir a sexualidade, que geralmente não é aceita pelos pais.

Ela disse que o comportamento de pessoas excluídas apresenta características como: distanciamento, desmotivação, entre outros.

De acordo com a profissional, a discriminação ocorre pela etnia, religião, estética corporal e classe social. “O preconceito ainda é muito enraizado”.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
ESTÁ NA CAPITAL DESDE 2015

EXCLUSIVO: Após três anos, lendário padre de Cajazeiras revela o que motivou sua ida para João Pessoa

AMOR E FÉ

ESPECIAL DE FÉRIAS: Crianças e adolescentes de Cajazeiras e Sousa abrilhantam programa na TV Diário

AUXILIAR DO TROVÃO

VÍDEO: Agora no Atlético-PB, ex-jogador do Corinthians está confiante em vaga no Brasileirão da Série D

SAÚDE & BEM-ESTAR

VÍDEO: Médico alerta para consequências do uso excessivo de alguns medicamentos no aparelho digestivo