header top bar

section content

VÍDEO: Após queixa de catadores, engenheira ambiental diz como hospitais devem fazer no descarte do lixo

"A questão de seringas, resíduos hospitalares, pela Lei, não podem de forma alguma serem destinados, lançados a céu aberto sem nenhum condicionamento, sem nenhum cuidado antes de ser lançado no meio ambiente, isso não pode acontecer", disse a profissional.

Por Luiz Adriano

03/05/2021 às 19h22 • atualizado em 03/05/2021 às 19h29

A engenheira ambiental, Rosania Albuquerque, participou do programa De Olho na Gestão, na TV Sul Cariri, afiliada da TV Diário do Sertão, no Ceará. Ela explicou como deve ser feito o destino do lixo hospitalar após polêmica onde catadores de reciclagem de Ipaumirim, na região do Centro-Sul cearense, reclamaram que diversos resíduos oriundos de hospitais e cemitérios estariam sendo jogados no lixão, e dessa forma prejudicando o trabalho por eles realizado.

“A questão de seringas, resíduos hospitalares, pela Lei, não podem de forma alguma serem destinados, lançados a céu aberto sem nenhum condicionamento, sem nenhum cuidado antes de ser lançado no meio ambiente, isso não pode acontecer. Inclusive o hospital, clínicas, todos esses estabelecimentos, eles têm que estar devidamente licenciados e com seu plano de gestão de resíduos sólidos”, pontuou Rosania.

VEJA TAMBÉM

VÍDEO: Catadores de material reciclável de Ipaumirim fazem apelo às autoridades por separação do lixo

A engenheira ambiental disse como deve ser feito o descarte dos resíduos. (Foto: ilustrativa/crédito: Hugo Goiás).

Há dias atras, a TV Sul Cariri foi até o lixão municipal de Ipaumirim, e viu de perto como os catadores vivem e dependem do trabalho de catar resíduos para sobreviverem. Eles reclamaram que o lixo dos cemitérios e dos hospitais tem chegado até o lixão misturado com os demais resíduos, o que dificulta o trabalho e coloca em risco a saúde.

DE OLHO NA GESTÃO

O programa De Olho na Gestão é apresentado por Abelardo Jorge e Felipe Queiroz e vai ao ar pela TV Sul Cariri todas as quintas-feiras das 14h às 16h. O foco da programação é analisar a postura do poder executivo e legislativo de Ipaumirim e região.

Rosania Albuquerque – engenheira ambiental.

CEARÁ 1

FOME NÃO ESPERA

VÍDEO: API adere campanha Sertão Solidário e ajuda radialistas das regiões de Cajazeiras, Sousa e Pombal

EM CAJAZEIRAS

VÍDEO: Passando fome com os filhos, mulher implora por ajuda e revela ter recebido cesta básica de Zé Aldemir durante campanha eleitoral

POLÍCIA RODOVIÁRIA FEDERAL

VÍDEO: Inspetora diz que clonagens de carros têm sido constante na PB e alerta sobre compra de seminovos

SOFRIMENTO TODO DIA

VÍDEO: “Aqui tem cobra e insetos”, diz moradora de bairro em Sousa que sofre com lixão na frente de casa

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!