header top bar

section content

Presidente da OAB de Cajazeiras nega que advogado tenha aplicado golpe a aposentada. Vídeo!

Ele revelou que até agora, a OAB de Cajazeiras não formalizou ainda nenhuma denúncia contra advogados na cidade. Veja vídeo!

Por

28/01/2015 às 10h00

O presidente da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), Subsecção de Cajazeiras, João de Deus Quirino Filho (Dr. Joãozinho), respondeu nesta quarta-feira (28), a denúncia da agricultora Inês Pereira da Silva, onde afirmou que o suposto advogado, identificado por José Leonardo, que atua na cidade de Cajazeiras estava ameaçando-a.

Segundo o presidente da OAB, José Leonardo não é advogado, pois teria concluído o curso de Direito, mas não é inscrito na ordem, portanto, é apenas Bacharel e não pode atuar como profissional. “Vamos adotar prerrogativas sérias para aqueles que não são advogados e estão atuando como se fossem”.

João de Deus disse estar a disposição para receber qualquer denúncia referente a advogados da região de Cajazeiras, que conta com mais de 400 profissionais associados.

O presidente anunciou que estará se reunindo esta semana com a direção estadual para tomar ações enérgicas com aqueles que “se passam por advogados em Cajazeiras”.

Ele revelou que até agora, a OAB de Cajazeiras não formalizou ainda nenhuma denúncia contra advogados na cidade.

Resposta 2
O advogado também respondeu ao presidente do Sindicato Rural de Cajazeiras, Rildo Maciel reafirmando que não existem denúncias contra advogados na OAB. “Não vamos generalizar porque isso é perigoso, pois não podemos acusar sem indício de provas”.

João de Deus afirmou que o sindicalista não pode acusar os advogados, pois os profissionais não são vilões, e são necessários à sociedade.

O que cobrar?
O presidente da ordem explicou que não há limite na contratação do advogado, pois existe a livre negociação entre as partes. “Não há limitação. Cliente e advogado são livres para contratação”

Veja vídeo!

Entenda o caso
A agricultora Inês Pereira da Silva denunciou nesta terça-feira (27), o suposto advogado identificado por José Leonardo, que atua na cidade de Cajazeiras por ameaçá-la. Ela contou que entrou com uma ação na justiça após ter conhecimento que sofria de hérnia de disco.

De acordo com a agricultora, o advogado foi levado até sua residência em Cajazeiras por uma Agente de Saúde, que intermediou a negociação.

Passado algum tempo e sem ter dinheiro para pagar seus medicamentos, Inês procurou José Leonardo para saber do andamento da ação, que em seguida foi informada que havia sido aprovado o benefício, inclusive que ela estava com R$ 9 mil para receber, mas tinha que dividir ao meio.

“Ele passou uma conta para que eu depositasse a metade do dinheiro e fiz isso, mas depois ele disse que tinha um carnê para eu continuar pagando”. Revelou a mulher

Sindicato
O presidente do Sindicato Rural de Cajazeiras, Rildo Soares disse que foi procurado por vários agricultores, mas quando pede que eles procurem a Delegacia desistem de denunciar.

Rildo Soares se dispôs a ajudar os agricultores que se sentirem lesados por advogados. “Estamos prontos para orientar a todos. Estamos aqui a disposição”.

Veja vídeo!

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

Recomendado para você pelo google

HOMENAGEM

VÍDEO: Com música ao vivo, programa Diversidade em Foco faz reflexão sobre o Dia das Mães; Assista!

EXCLUSIVO

Presidente reafirma proibição de arma na assembleia, fala da Operação Calvário e cortes de gabinetes

VÍDEO

Governador João Azevêdo fala sobre o afastamento político com Ricardo Coutinho e mudanças no Governo

TRAGÉDIA

VÍDEO E FOTOS: Delegado dá detalhes do grave acidente próximo a parque de vaquejada em Cajazeiras