header top bar

section content

AGEVISA fiscaliza e fecha fábrica que estava funcionando irregular na cidade de Sousa

A ação da AGEVISA foi desencadeada através de denúncia anônima e terminou fechando o comércio na cidade. Fotos!

Por

22/11/2011 às 17h46

A AGEVISA (Agência Estadual de Vigilância Sanitária), interditou nesta terça-feira (22), a fábrica de doces, de nome fantasia “Doce Kely”, que funcionava no Jardim Sorrilândia II, cidade de Sousa.

De acordo com informações da vigilância sanitária, a fábrica foi fechada por não ter alvará de funcionamento expedido pela prefeitura, e estar funcionando clandestinamente no município.

A empresa, que tinha o nome de "Frutal", já havia sido notificada anteriormente pela AGEVISA, porém, descumpriu as determinações do Órgão e reabriu suas portas, desta vez com um novo nome, “Doces Kely”.

A agência chegou até o local através de uma denúncia anônima, dando conta que a empresa teria reaberto suas portas desrespeitando a determinação da AGEVISA.

A “Doces Kely” foi fechada novamente e desta vez o proprietário poderá responder também a processo criminal, pois está colocando um produto no mercado sem se responsabilizar por ele, pondo em risco a vida das pessoas.

Veja mais fotos na galeria de fotos, clique e aumente o tamanho

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
ESTÁ NA CAPITAL DESDE 2015

EXCLUSIVO: Após três anos, lendário padre de Cajazeiras revela o que motivou sua ida para João Pessoa

AMOR E FÉ

ESPECIAL DE FÉRIAS: Crianças e adolescentes de Cajazeiras e Sousa abrilhantam programa na TV Diário

AUXILIAR DO TROVÃO

VÍDEO: Agora no Atlético-PB, ex-jogador do Corinthians está confiante em vaga no Brasileirão da Série D

SAÚDE & BEM-ESTAR

VÍDEO: Médico alerta para consequências do uso excessivo de alguns medicamentos no aparelho digestivo