header top bar

section content

Vereador Severino Dantas assumirá liderança do prefeito na Câmara de Cajazeiras

O retorno do vereador Marcos do Riacho do Meio(PT) e a saída do vereador Chagas Amaro (PMDB) provocará também, uma mudança na liderança do prefeito na Câmara Municipal. O vereador petista Severino Dantas se credencia, a cada dia que passa, para assumir a liderança do prefeito Léo Abreu, na Casa Otacílio Jurem. Severino tem sido […]

Por

02/07/2009 às 17h57

O retorno do vereador Marcos do Riacho do Meio(PT) e a saída do vereador Chagas Amaro (PMDB) provocará também, uma mudança na liderança do prefeito na Câmara Municipal.

O vereador petista Severino Dantas se credencia, a cada dia que passa, para assumir a liderança do prefeito Léo Abreu, na Casa Otacílio Jurem. Severino tem sido o mais ferrenho defensor das mensagens oriundas do Poder Executivo, o vereador, foi o único a defender em primeiro plano, o Projeto de Lei da reforma Administrativa “que castrou o poder de algumas secretarias e dando total gestão ao secretário-adjunto”.

O prefeito licenciado, Léo Abreu, ainda não oficializou o seu novo líder, mais diante dos nomes dos vereadores da base aliada, o prefeito conta com os nomes de Deuzinho, Marcos do Riacho do Meio e Severino, ambos do Partido dos Trabalhadores, sendo que Severino é o mais experiente, tendo em vista que os demais, estão em seu primeiro mandato.

Aguarda-se portanto, a confirmação do nome do novo líder do governo na Câmara Municipal de Cajazeiras, por parte do Prefeito Leonides Abreu.

JOSELITO FEITOSA
Da Redação do Diário do Sertão

Tags:

Recomendado para você pelo google

DONO DA CONSULTRAN

VÍDEO: Especialista em trânsito elogia Zona Azul de Cajazeiras, mas cobra ensino de trânsito nas escolas

QUER MAIS SEGURANÇA

VÍDEO: Cantor da região de Cajazeiras diz que consumo de drogas nas festas dificulta fechar contrato

SAÚDE & BEM-ESTAR

VÍDEO: Em Cajazeiras, médica explica o que é ‘prato colorido’ para quem quer perder peso com saúde

BOMBA

VÍDEO: Jornalista cajazeirense mira nos ‘Bocas Loucas’ da política paraibana