header top bar

section content

Atos na Paraíba contra corte de verbas: mobilizações acontecem no IFPB, em Sousa e UFPB em João Pessoa,

Os professores e alunos do Instituto Federal da Paraíba (IFPB) começaram o ato em Sousa por volta das 9h

Por G1 PB

30/05/2019 às 12h34

Mobilização de estudantes em Sousa

Grupos de estudantes e professores de universidades e institutos federais fazem atos de mobilização, na manhã desta quinta-feira (30), em Sousa e João Pessoa. Eles protestam contra o bloqueio de verbas na educação anunciado pelo governo federal.

Os professores e alunos do Instituto Federal da Paraíba (IFPB) começaram o ato em Sousa por volta das 9h. O grupo montou tendas no Calçadão, no Centro da cidade, para conversar com as pessoas sobre a previdência social e tirar dúvidas da população.

No IFPB, em João Pessoa, houve paralisação no turno da manhã, a partir das 9h30, para um debate sobre a previdência social, conforme o Sindicato dos Trabalhadores Federais na Educação Básica, Profissional e Tecnológica da Paraíba (SINTEFPB). À tarde, tem expediente até 14h40. Também aderem de forma total ou parcial à paralisação os campis de Itabaiana, Cabedelo, Campina Grande, Patos, Sousa e Guarabira.

Na Universidade Federal da Paraíba (UFPB), no campus de João Pessoa, houve uma panfletagem e caminhada de estudantes e professores para dialogar sobre a previdência. A mobilização começou às 8h e terminou por volta das 11h. Os servidores paralisaram as atividades e também não houve aula na unidade de ensino.

Na Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), não houve aula porque os professores aderiram à mobilização contra o corte de verbas anunciado pelo Ministério da Educação (MEC). No entanto, oficialmente, a universidade não suspendeu as atividades e alguns setores administrativos estão funcionando parcialmente, com atividades laboratoriais e de projetos.

Segundo a assessoria do Sindicato de Professores da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), poucas professores estão ministrando aula nos campi nesta quinta-feira. A maioria dos professores e estudantes aderiu à paralisação após uma assembleia realizada na manhã da quarta-feira (29).

Fonte: G1 PB - https://g1.globo.com/pb/paraiba/noticia/2019/05/30/grupos-fazem-atos-na-paraiba-contra-corte-de-verbas-do-mec.ghtml

PAINEL

VÍDEO: Abuso de poder pode tornar candidato inelegível nas eleições 2020, alerta ministro do TSE

FEMINICÍDIO

VÍDEO: Delegado do caso Pâmella Bessa lamenta impunidade no Brasil e faz alerta para população

ALERTA

VÍDEO: Corpo de Bombeiros prevê aumento de incêndios na região de Cajazeiras até final do ano

INELEGÍVEIS OU NÃO?

VÍDEO: Ministro explica por que políticos ficha suja foram liberados para se candidatarem neste ano

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!