header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Câmara de Cajazeiras aprova regulamentação do supervisor escolar e transforma gratificação em vencimentos

A outra emenda dispõe sobre os direitos do professor supervisor na aposentadoria

Por

21/05/2015 às 18h01

Câmara de Cajazeiras aprova projetos na educação

O Sindicato dos Funcionários Municipais de Cajazeiras (SINFUMC) e o Conselho Municipal de Educação obtiveram duas grandes vitórias nesta terça-feira (19), quando conseguiram aprovar na Câmara de Vereadores duas emendas que beneficiarão a categoria dos professores e supervisores escolares.

Através de uma propositura do vereador Marcos Barros (PSB), a Câmara aprovou por unanimidade duas emendas no artigo 8º da lei 1.584, que dispõe sobre a função do supervisor escolar e seus direitos.

De acordo com a lei, o professor de nível científico na área do magistério que exerce também a função de supervisor escolar está acumulando cargos, o que é proibido segundo a resolução.

Para resolver essa situação, uma das emendas propostas pela categoria e aprovadas pelos vereadores esclarece a função de supervisor e regulamenta essa função, extinguindo, portanto, a ideia de acúmulo de cargos.

A outra emenda dispõe sobre os direitos do professor supervisor na aposentadoria. Ela transforma 40% de gratificação em vencimentos para evitar que o profissional perca esse montante ao se aposentar.

Segundo explicou o vereador Marcos Barros, os supervisores recebem 40% do seu salário como forma de gratificação, mas quando dão entrada na aposentadoria perdem esse valor justamente porque está como gratificação e não vencimentos.

A categoria reclama que essa perda é injusta porque na sua contribuição previdenciária o IPAM (Instituto de Previdência e Assistência Social do Município) também retira desses 40%.

Entendendo que as propostas para as duas emendas são justas, todos os parlamentares votaram a favor da causa.

“Talvez Cajazeiras vá ser exemplo para outras cidades, e outras Câmaras vão pedir, com certeza, porque os supervisores de outras cidades vão saber destas emendas”, ressaltou Marcos Barros.

A sessão desta terça contou com a presença da presidente do SINFUMC, Elinete Lourenço, professores e membros do Conselho Municipal de Educação.

Assista o pronunciamento do vereador Marcos Barros 

DIÁRIO DO SERTÃO com Assessoria

Tags:
ENTREVISTA

VÍDEO: Programa Diversidade em Foco com professor de Português destaca as variações da nossa língua

HERANÇA ARTÍSTICA

VÍDEO: Filho de grande nome da música brasileira agita a Festa do Brega no Cajazeiras Tênis Clube

EM JOÃO PESSOA

VÍDEO E FOTOS: Posse da nova diretoria da API é marcada por repentes, lançamento de livro e emoção

DUPLA CERIMÔNIA

VÍDEO: OAB lança em Cajazeiras as chapas para as eleições da Seccional Paraíba e da Subseção local