header top bar

section content

Você sabe o que acontece com o corpo feminino durante o ápice do prazer na relação íntima?

De acordo com estudos importantes, apenas um quarto delas chegam ao momento.

Por Redação Diário

14/08/2016 às 15h56

Você sabe o que acontece com o corpo feminino durante o auge do prazer na relação íntima?

Você sabe o que acontece com o corpo feminino durante o ápice do prazer?

Infelizmente, é mais difícil para as mulheres alcançarem o auge do prazer íntimo que os homens.

De acordo com estudos importantes, apenas um quarto delas chegam ao momento. Em comparação, isso acontece com 90% dos homens. Outro dado relevante é que as mulheres levam mais tempo para atingir o clímax do que os homens.

Mas você sabia que durante o ato íntimo a pélvis das mulheres relaxa e a vagina se alonga para permitir que o pênis entre ainda mais? Isso mesmo.

Além do mais, enquanto esse processo acontece, o clitóris – que tem 8.000 terminações nervosas – se amplia e muda de posição.

As genitais femininos incham a medida que o fluxo sanguíneo aumenta na área pélvica, e a pele se torna mais sensível.

Quando a mulher chega ao ápice, toda a tensão acumulada é liberada e o esse momento provoca contrações musculares na vagina, no ânus, no útero e também no assoalho pélvico.

Uma pessoa do sexo feminino pode ter entre seis a dez contrações a cada clímax e isso libera endorfina e oxitocina, que a fazem se sentir bem.

Fonte: DailyStar

Tags:

Recomendado para você pelo google

DIRETO AO PONTO

VÍDEO: Novas nomeações em Cajazeiras são resultado das ‘pazes’ entre Jeová e Júnior, diz comentarista

PISO SALARIAL NACIONAL

VÍDEO: Em reunião acalorada, agentes de saúde cobram da Prefeitura de Cajazeiras as progressões do PCCR

FIQUE POR DENTRO

VÍDEO: Pesquisa do Procon mostra diferença de preços de combustíveis nos postos da cidade de Cajazeiras

FOLIA RETRÔ

VÍDEO: Festa reviverá o antigo carnaval de Cajazeiras com blocos tradicionais e banda que marcou geração