header top bar

section content

EM RESPEITO AO BRASIL: Churrascaria anuncia boicote aos produtos da JBS

Segundo proprietário do restaurante, atitude é um protesto contra casos de corrupção envolvendo o frigorífico; outras empresas deverão aderir

Por Luzia de Sousa

27/05/2017 às 08h57 • atualizado em 26/05/2017 às 11h01

Uma churrascaria em Curitiba (PR) decidiu fazer um protesto contra o frigorífico JBS, que está no centro da maior crise política enfrentada pelo governo do presidente Michel Temer (PMDB). A Devons Steak House anunciou nesta semana que não irá mais trabalhar com produtos da JBS.

A decisão foi informada pela direção da churrascaria por meio de uma faixa colocada na frente do restaurante, localizado no Centro Cívico de Curitiba . O anúncio também foi feito por meio de uma postagem no perfil da Devons no Facebook.
“Em respeito ao Brasil, à sociedade e aos trabalhadores deste País, informamos que, a partir da presente data, não trabalhamos mais com produtos da linha JBS”, diz o texto publicado pelo restaurante. No Brasil, a JBS é proprietária de marcas como Friboi, Seara, Swift, Big Frango e Doriana.

Em entrevista ao iG , o proprietário da churrascaria, Augusto Santos, afirmou que tomou essa decisão porque “a sociedade brasileira, o empresário e os trabalhadores estão cansados de ver todas essas falcatruas feitas por gente que está contra o País”. “A família Batista fez uma delação e saiu do País dando risada. Eu não posso contribuir com isso”, acrescenta, referindo-se aos empresários Joesley e Wesley Batista, proprietários da JBS.

Santos garantiu que a medida não tem fins publicitários. “Não estou usando como marketing. É uma atitude de um cidadão brasileiro, patriota, que vem vendo o que está acontecendo no País. Isso me irrita e me desgasta.”

Pelas redes sociais, a atitude foi elogiada pelos internautas. A direção do restaurante informou aos usuários do Facebook que irá utilizar carnes dos frigoríficos Marfrig, VPJ e Cooperaliança. “A decisão não tem nada a ver com a qualidade dos produtos da JBS, e sim porque eu acho que eles tiveram uma atitude criminosa”, destaca o proprietário.

Outros boicotes
Nesta quinta-feira (25), o Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor) divulgou nota à imprensa incentivando os consumidores a boicotarem os produtos não somente da JBS, como também da J&F – holding que controla a JBS.
Além das já citadas, a J&F também tem participação em marcas como Danúbio, Faixa Azul, Minuano, Neutrox, Havaianas, Mizuno, Topper, entre outras.

Ig

Tags:
YOUTUBER DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Léo Abreu revela em quais profissões podemos encontrar psicopatas

ESPERANÇA NA POLÍTICA!

VÍDEO: Pastor evangélico fala sobre Bolsonaro: “Ele incorporou o que a sociedade acredita: a família”

ASSISTA!

Arquitetura, urbanismo e direitos humanos marcaram último episódio da temporada do Coisas de Cajazeiras

VÍDEO

Comemorando o dia dos Direitos Humanos, professor fala sobre os avanços da data no Diversidade em Foco