header top bar

section content

Cidade de Sousa será palco para a filmagem do curta “Quando Decidi Ficar”. Diretor e atriz falam sobre o filme e pedem contribuição. VÍDEO!

O filme trás a reflexão sobre questões relevantes que afetam a sociedade e as vivências do novo sertão que se transforma tanto social como culturalmente.

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

02/06/2017 às 17h00 • atualizado em 02/06/2017 às 17h51

Após o sucesso do curta-metragem ‘Um Poema com Café’, o cineasta Maycon Carvalho, trilha, desta vez, o seu segundo desafio: a pré-produção do seu novo projeto, intitulado “Quando decidi ficar”, que terá na equipe profissionais e semi-profissionais de Sousa e região.

O enredo e a narrativa do filme giram em torno de Do Carmo, uma mulher, que misteriosamente surge na vida de um grupo de jovens. Eles vivem em um antigo pensionato gerenciado por Dona Leonor, uma senhora com espírito juvenil. Neste lugar, ela irá tentar curar seus hematomas físicos e suas feridas psicológicas ao lado dessa turma que movimenta a cena artística-cultural da cidade sertaneja.

Maycon conta que a ideia surgiu durante uma conversa na qual escutou relatos de que uma mulher agredida fisicamente por seu marido encontrou abrigo em uma república estudantil. “Outro ponto, é que já tinha alguns personagens escritos que retratava esta juventude sertaneja que luta pelos seus direitos. Desta forma, eu uni uma história a outra e criei o roteiro”, disse.

O filme, produzido pelo Coletivo Azouge Audiovisual, visa também estimular o espectador a refletir sobre questões relevantes que afetam a sociedade brasileira e se propõe a trazer algumas reflexões sobre as vivências do novo sertão que se transforma tanto social como culturalmente.

O elenco é composto pelas atrizes Alhandra Campos, Eliane Figueiredo, Maria do Carmo Abrantes e Rosimere Brito. Integram também o casting, o graduando em Artes Cênicas pela UFPB, Édson Albuquerque e o músico Ellon Barbosa que assina a música tema.

Atores do filme “Quando decidi ficar” (Foto: Diário do Sertão)

Além do financiamento coletivo através de internet, o projeto também contará com apoio de empresas da região e com a colaboração de vários parceiros. Entre as parcerias já firmadas estão Fundação Municipal de Cultura de Sousa PB – Sandoval Silva de Assis, Acauã Produções Culturais,  Instituto Federal da Paraíba (IFPB-Campus Sousa), Sebrae Regional de Sousa, Luciana Miranda – Maquiagens artísticas, Marvin Fotografia, os produtores executivos Fabiana Araújo e Jorge Maquieira, Palitto Stúdio, de Getúlio Salviano, Enio Comunicação e Eventos, Gravura Filmes, de Kennel Rógis, InCartaz Filmes e Eventos, do professor Marcelo Paes de Carvalho, Kassandra Brandão, preparadora de Elenco,  o Núcleo de Arte do Alto Sertão Paraiban(NAASP) e os produtores culturais Rafael Formiga e Luis Cleber.

Sobre a campanha

O curta conta com o apoio de benfeitores que contribuem através de uma plataforma digital, para que a produção ganhe vida. O prazo para contribuição encerra no dia 6 de Junho e a expectativa é atingir a meta até o fim do prazo.

A plataforma digital escolhida, o Catarse-me, permite que qualquer pessoa do país e do mundo colabore com qualquer valor a partir de R$ 10 dentro de um determinado prazo.

O diferencial do financiamento coletivo através desta plataforma é que, ao doar, cada colaborador terá  recompensas conforme o valor da contribuição. Quem colabora com R$ 100, por exemplo, recebe um verdadeiro kit que, entre outros brindes, inclui camiseta, cartazes, o direito de participar da figuração e um link para assistir o filme antes do lançamento.

Para contribuir, é só acessar a plataforma e escolher o valor, que pode ser feita por cartão de crédito ou débito em conta. A produção também mantém uma página em uma rede social que detalha o projeto e a atuação da equipe.

Mais informações através dos sites:

facebook.com/Quando-decidi-ficar-1847249988846921/?fref=ts

catarse.me/quando_decidi_ficar_a916?ref=project_link

DIÁRIO DO SERTÃO

MÊS ESPECIAL

VÍDEO: Paróquia Nossa Senhora de Fátima em Cajazeiras encerra festa neste sábado com mensagem de paz

ANTAGONISMO

Bolsonaro x Haddad: plano de privatização do ensino contra gestão que abriu 126 universidades, diz padre

VÍDEO & FOTOS

DIA DAS CRIANÇAS: Atividades e festa resgatam o prazer de brincar em alunos de escola de Cajazeiras

MORTO HÁ DOIS ANOS

VÍDEO: Filha conta detalhes do assassinato de comerciante sousense e se emociona: “Sou Damião Malvino”