header top bar

section content

Sousa tem cartada decisiva na Série D enfrentando time baiano no Marizão

Dinossauro precisa vencer de qualquer maneira o time baiano neste domingo para se manter com chances de classificação para a segunda fase do Brasileiro da 4ª Divisão

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

26/06/2016 às 12h39

Sousa faz a segunda partida no Marizão nesta Série D: agora, não resta outra saída senão a vitória (Foto: Divulgação)

É vencer ou vencer. Nunca o velho clichê serviu tanto para definir o que Sousa e Galícia precisam fazer na tarde deste domingo. Paraibanos e baianos perderam nas duas primeiras rodadas e qualquer outro tropeço hoje significa o fim do sonho da classificação para a segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série D. A partida começa às 16 horas, no Marizão, em Sousa.

Em que pese a situação complicada na tabela, o Dinossauro procura manter um certo otimismo. O técnico Tazinho vem repetindo pelos quatro cantos que o seu time depende apenas de seus esforços para conseguir a vaga, nem que seja como um dos 15 melhores segundos colocados. Para isso, a conta é até simples: vencer os quatro jogos que terá pela frente.

O primeiro desafio é justamente o Galícia, um time que não chega a meter medo. Afinal, está longe daquele que fez um bom papel no Campeonato Baiano e vem traumatizado após a goleada de 5 a 0 sofrida para o Globo FC, na última rodada.

O Sousa tem apenas um desfalque para o jogo de logo mais: o zagueiro Diogo, vetado pelo departamento médico. Tazinho ainda não definiu o seu substituto, que está entre Luiz Paulo e Alenílson. O restante da equipe é a mesma que perdeu por 2 a 1 para o América-PE, em Paulista, na última rodada.

GE

Recomendado para você pelo google

RELAÇÃO COM EMPRESÁRIOS

VÍDEO: Prefeito de Cajazeiras não descarta fazer uma reforma tributária e manda recado para ‘algozes’

SERVIÇO MILITAR

VÍDEO: Quase 100 novos atiradores são incorporados ao Tiro de Guerra de Cajazeiras durante solenidade

TRIMESTRE CHUVOSO

VÍDEO: Açude Grande de Cajazeiras sangra pela primeira vez em 2019 e traz esperança para a população

ELITISMO?

VÍDEO: Escolas federais têm segurança, mas as outras são ‘destratadas’, afirma diretor em Cajazeiras