header top bar

section content

Neymar aceita pagar multa de quase R$ 460 milhões para a Receita

Jogador desistiu de recorrer e aceitou arcar com a cobrança

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

27/08/2016 às 10h23

Neymar terá que pagar multa milionária (Foto: Júlio César Guimarães / Uol / NOPP)

Neymar deve, não nega e decidiu pagar assim que puder. No caso, a quantia de R$ 459.671,25. Ele e seu pai, Neymar da Silva Santos, abriram mão do processo que tentava a anulação desta cobrança — feita pela Receita Federal — em ação movida na Justiça Federal em abril de 2014. Homologada pela 4ª Vara da Justiça Federal em Santos no dia 17 de agosto, a decisão foi enviada ontem para a Procuradoria da Fazenda Nacional.

Agora, segundo consta nos autos, a Caixa Econômica Federal deve providenciar a transformação em pagamento definitivo da quantia depositada pela dupla em 2012, em uma conta extrajudicial. Ao recorrer, Neymar depositou o valor da multa em juízo e a Justiça determinou que o valor seja revertido ao pagamento da sanção. Neymar ainda tenta derrubar outra multa da Receita Federal, no valor de R$ 193 milhões, que causou bloqueio de seus bens.

O jogador e seu pai foram multados pelo Fisco por não declarem como salários valores pagos como direito de imagem pelo Santos. Ambos recorreram à Justiça, mas tiveram um primeiro pedido negado em janeiro. Eles tentaram novo recurso, mas desistiram antes de uma decisão.

Neste processo, a Receita apontou outras irregularidades nos contratos que envolviam Neymar, as empresas de seu pai e o Santos. Um deles foi assinado quando o jogador tinha apenas 14 anos, mas, no papel, era qualificado como maior de idade.

A ação foi movida na Justiça Federal por Neymar e o pai há mais de dois anos, em abril de 2014. No entanto, a dupla foi condenada em primeira instância, em janeiro deste ano, a pagar R$ 460 mil à Receita Federal por conta de dívidas de imposto de renda contraídas, no entender do órgão federal, entre 2007 e 2008, quando o atacante ainda estava em formação no Santos, mas já recebia direitos de imagem.

O Dia

DIÁRIO ESPORTIVO

VÍDEO: Na TV, dirigentes do Atlético de Cajazeiras explicam contratações fechadas e outras que ‘melaram’

NOVAS CRÍTICAS

VÍDEO: Para líder católico de Cajazeiras, o Nordeste será “um recanto esquecido” por Bolsonaro

CLIMA DE EMOÇÃO

VÍDEO: Amigos e familiares destacam o legado de Dr. Toinho durante velório do advogado em Cajazeiras

ECONOMIA

VÍDEO: Com fila zerada, Bolsa Família injeta quase R$ 2 milhões por mês em Cajazeiras, diz coordenador