header top bar

section content

Com 5 chegadas e 2 saídas, Fla encerra ciclo de contratações

As novidades do elenco são Miguel Trauco, Conca, Romulo, Berrío e Renê

Por Ana Maria

07/02/2017 às 20h30 • atualizado em 07/02/2017 às 15h16

© Gilvan de Souza / Flamengo

O Flamengo fechou o elenco para a primeira parte da temporada. Qualquer mudança a partir de agora só ocorrerá por oportunidade que se apresente favorável ao clube ou para reposição em caso de negociação de algum jogador. Assim, será com o grupo atual -que teve a chegada de cinco atletas – que o time rubro-negro disputará as competições até a janela do meio do ano.

Miguel Trauco, Conca, Romulo, Berrío e Renê foram as novidades no Ninho do Urubu. O último foi anunciado na noite de segunda-feira (6). O lateral-esquerdo deixou o Sport para compor o setor no clube carioca.

Além de Renê, Berrío e Conca ainda não estrearam. O colombiano finaliza a documentação, enquanto o argentino recupera-se de uma cirurgia no joelho e só deve ter condições de atuar a partir de abril. Já Trauco e Romulo colecionam elogios pelas primeiras apresentações na temporada.

Se os cinco reforços importantes chegaram, o Flamengo perdeu dois atletas. O goleiro Paulo Victor foi emprestado ao Gaziantepspor, da Turquia, por um ano e meio. Já era desejo do jogador mudar de ares desde que perdeu a posição para Alex Muralha. Sem chances de retomá-la, a saída foi o caminho natural. O jovem Thiago acabou promovido ao posto de reserva.

O lateral esquerdo Jorge foi vendido ao Monaco-FRA em uma negociação avaliada como positiva pelo departamento de futebol. No orçamento de 2017, o clube estipulou fazer R$ 10 milhões com vendas de jogadores. O ex-camisa 6 foi negociado por 9 milhões de euros -R$ 30,5 milhões. O Flamengo ficou com 6,7 milhões de euros -R$ 22,7 milhões.

Até por isso, Renê foi contratado para a posição. A expectativa é a de que ele dispute a vaga ou mesmo seja reserva do peruano Miguel Trauco. De todas as contratações do Flamengo, apenas Conca veio por empréstimo até o final do ano, numa negociação avaliada como “oportunidade de mercado” pela diretoria. Miguel Trauco assinou por dois anos. Romulo, Orlando Berrío e Renê por quatro temporadas. Com informações da Folhapress.

Notícias ao Minuto

ESTÁ NA CAPITAL DESDE 2015

EXCLUSIVO: Após três anos, lendário padre de Cajazeiras revela o que motivou sua ida para João Pessoa

AMOR E FÉ

ESPECIAL DE FÉRIAS: Crianças e adolescentes de Cajazeiras e Sousa abrilhantam programa na TV Diário

AUXILIAR DO TROVÃO

VÍDEO: Agora no Atlético-PB, ex-jogador do Corinthians está confiante em vaga no Brasileirão da Série D

SAÚDE & BEM-ESTAR

VÍDEO: Médico alerta para consequências do uso excessivo de alguns medicamentos no aparelho digestivo