header top bar

section content

Botafogo-PB tem a melhor média de público na Paraíba pelo terceiro ano consecutivo

Apesar do feito, foi o Treze quem registrou o maior público da temporada no futebol paraibano, na partida do Galo contra o Imperatriz-MA na semifinal da Série D

Por GEPB

01/01/2019 às 10h02

Botafogo-PB x Botafogo-SP registrou a maior arrecadação nos cofres de um clube paraibano em uma única partida, neste ano (Foto: Pedro Alves/GloboEsporte.com)

O Botafogo-PB vai em busca no ano que vem do tricampeonato do Paraibano. Antes disso, no entanto, o Belo conseguiu um tri de se orgulhar. Pelo terceiro ano seguido, o Belo teve a melhor média de público do futebol paraibano. O time de João Pessoa levou às arquibancadas 5.433 torcedores pagantes por jogo, nas 23 partidas que jogou como mandante. A última vez que o Botafogo-PB perdeu nesse ranking foi em 2015, quando foi desbancado pelo Campinense.

O ano do Belo em 2018 foi bem interessante dentro de campo. Apesar da traumática eliminação nos pênaltis na partida do acesso à Série B diante do Botafogo-SP, o clube paraibano fez uma boa campanha na Série C, passou de fase na Copa do Nordeste e se sagrou bicampeão paraibano.

Em segundo lugar na média de público da temporada ficou o Treze. O Galo da Borborema teve um ano mágico, com direito a um importante acesso da Série D para terceira divisão do país.

Após um primeiro semestre abaixo das expectativas, com eliminação precoce no Nordestão e sem ter conseguido ir à decisão do estadual, o Alvinegro fez a forra na segunda parte do ano. Conquistou o acesso e vice-campeonato da quarta divisão em 2018. Sua torcida esteve presente e produziu uma média de 4.437 pagantes por jogo, nas 19 partidas que fez em casa.

Fechando o pódio em 2018 ficou a torcida raposeira, aquela que quase não teve motivos para sorrir neste ano. O Campinense jogou apenas o estadual e a Série D do Campeonato Brasileiro, de onde não consegue sair desde 2012. A Raposa perdeu o título do Paraibano para o Botafogo-PB e caiu na quarta divisão, no jogo do acesso, para o Ferroviário-CE, nas quartas de final. A média de público do Rubro-Negro foi de 4.424 pagantes por partida, nos 15 jogos que fez como mandante na temporada.

Maiores públicos no ano
O maior público do ano no futebol paraibano foi do Treze. Mas se engana quem acha que foi na decisão da Série D contra o Ferroviário-CE. A maior festa das arquibancadas da temporada foi na semifinal da quarta divisão. No duelo contra o Imperatriz-MA, o Galo registrou um público pagante de 12.713 torcedores no Estádio Amigão.

Dinheiro no bolso
A maior arrecadação direto nos cofres do clube, no entanto, foi do Botafogo-PB. Na partida de ida das quartas de final da Série C do Campeonato Brasileiro, diante do seu xará paulista, o Belo embolsou R$ 166.865,74 de renda líquida.

Já a maior renda bruta do futebol paraibano no ano – aquela sob a qual ainda vão ser deduzidas algumas despesas – foi na Copa do Brasil, na partida da segunda fase do torneio entre Botafogo-PB e Atlético-MG. O time paraibano arrecadou R$ 238.064,00, mas só embolsou R$ 64.088,56 no fim das contas.

Médias nas competições
A melhor média de público no Campeonato Paraibano foi do Campinense. O clube levou ao Amigão 4.783 torcedores pagante por jogo, nas sete partidas que fez como mandante. Em segundo lugar vem o Botafogo-PB, com uma média de 4.615 torcedores pagando ingresso por partida, nas oito que o Belo mandou no torneio. Já o Treze ficou em terceiro, com uma média de 4.162 torcedores por confronto. O Galo fez seis jogos como mandante no estadual.

Na Copa do Nordeste, apenas Botafogo-PB e Treze têm suas estatísticas. E o Belo fez uma festa maior nas arquibancadas do que o Galo. O time de João Pessoa teve a sétima melhor média da competição. Os botafoguenses produziram uma média de 4.425 pagantes por jogo, nas quatro partidas que fez como mandante. O Galo vem logo em seguida, em sétimo, com 3.702 torcedores em média por partida, nas três participações em casa pela competição.

Na Copa do Brasil, Treze e Botafogo-PB fizeram apenas uma partida, cada, em casa. O Belo levou 11.740 torcedores que pagaram ingresso na partida da segunda fase diante do Atlético-MG, no Almeidão. Já o Treze registrou um público pagante de 5.911 no Amigão, na primeira fase do campeonato, no duelo contra o Figueirense.

No Campeonato Brasileiro, o Botafogo-PB também reinou sobre os rivais de Campina Grande. O Belo alcançou a quarta melhor média de público da Série C do Campeonato Brasileiro, ficando atrás apenas de Santa Cruz, Remo e Cuiabá. O Alvinegro da Estrela Vermelho contou com uma média de 5.861 torcedores por partida, nas 10 partidas que fez como mandante, e levou mais torcida do que Galo e Raposa, que disputaram a quarta divisão.

Na Série D, no entanto, Treze e Campinense também não fizeram feio. O Galo da Borborema teve a melhor média de toda a competição: 4.827 torcedores por jogo, nos oito duelos que disputou em casa. Na vice-liderança ficou a Raposa, que registrou uma média de 4.111 torcedores por partida. O Campinense jogou seis confrontos em Campina Grande.

Fonte: GEPB - https://globoesporte.globo.com/pb/noticia/botafogo-pb-tem-a-melhor-media-de-publico-na-paraiba-pelo-terceiro-ano-consecutivo.ghtml

Recomendado para você pelo google

FÉ NO SANTO

VÍDEO: No dia de São José, católicos agradecem pelas chuvas na região de Cajazeiras; previsão é otimista

DIAS 30 E 31 DE MARÇO

VÍDEO: Comédia “Escolinha Profana”, dos criadores do “Pastoril Profano”, se apresentará em Cajazeiras

ÚLTIMOS PROCEDIMENTOS

VÍDEO: Cemitério da Zona Norte de Cajazeiras deverá ser construído ainda neste ano, afirma secretária

DE OLHO NO TURISMO

VÍDEO: Prefeito de Monte Horebe revela que está planejando festival de inverno com uma semana de eventos