header top bar

section content

Manchester United vai atrás do inédito contra o PSG: avançar depois de perder por 2 a 0 em casa

Mandantes que perderam por esse placar no jogo de ida nunca conseguiram se classificar na Liga dos Campeões. Porto recebe a Roma e também vai atrás de uma virada

Por GE

06/03/2019 às 09h34

Rashford, em ação no treino do Manchester United, é uma das esperanças de Solksjaer (Foto: Reuters/John Sibley)

Depois da classificação de Ajax e Tottenham, deixando respectivamente Real Madrid e Borussia Dortmund pelo meio do caminho, é dia de mais Liga dos Campeões nesta terça-feira. O Porto recebe a Roma no Estádio do Dragão após perder por 2 a 1 no jogo de ida, e o Manchester United enfrenta o Paris Saint-Germain, em Paris, em busca do que nunca foi feito: avançar depois de ser derrotado pelo placar de 2 a 0 em casa.

A tarefa do Manchester United é bastante complicada. Os gols de Kimpembe e Mbappé no Old Trafford há pouco mais de três semanas obrigam os Red Devils a encontrar um caminho jamais percorrido na história da Liga dos Campeões: em todas as 106 vezes que um time perdeu por 2 a 0 em casa no jogo de ida de uma eliminatória de Liga dos Campeões, foi eliminado na volta.

– Nós vamos lá e vamos aproveitar nosso jogo. Sabemos que é um palco difícil de vencer, eles jogaram muito bem no Old Trafford. Portanto, é um grande desafio para os nossos jogadores ir lá e mostrar do que somos capazes – disse o técnico Solksjaer.

E o treinador dos Red Devils ainda vai precisar driblar desfalques importantes. Um dos líderes da equipe, Pogba foi expulso no primeiro jogo e está suspenso. Além disso, Ander Herrera, Mata, Matic, Lingard, Valencia e Alexis Sánches estão lesionados. O provável time que vai a campo é De Gea; Young, Lindelöf, Smalling, Shaw; Fred, McTominay, Pereira, Dalot; Lukaku, Rashford.

Thomas Tuchel tampouco tem todos a sua disposição. A começar por Neymar, que estará no Parque dos Príncipes para acompanhar a partida depois de passar alguns dias no Brasil, mas segue fora por conta da lesão no quinto metatarso. A grande dúvida é Cavani. O uruguaio se machucou faz um mês, na vitória sobre o Bordeaux, e perdeu todos os seis jogos do PSG desde então – incluindo o jogo de ida contra o Manchester United. O centroavante treinou normalmente durante a semana, mas a expectativa é de que ele comece no banco.

Tuchel deve escalar o PSG com Buffon; Kehrer, Thiago Silva, Kimpembe, Benat; Dani Alves, Verratti, Marquinhos; Draxler, Mbappé, Di María.

– É necessário esquecer o resultado do primeiro jogo. É um desafio ignorar esse aspecto, mas não importa se perdermos, empatarmos ou vencermos, temos que jogar o mesmo jogo. Nossa energia não pode ser influenciada por esse resultado. Nas oitavas da Champions League, você precisa estar 100% nos dois jogos – declarou o treinador do PSG durante a semana.

Porto x Roma
Para o Porto, a missão é difícil, mas não é improvável. No jogo de ida, o jovem Zaniolo, de 19 anos, decidiu a parada para a Roma marcando dois gols e decretando a vitória, mas o golzinho de Adrián López deixou o time português vivo na disputa. Uma vitória simples por 1 a 0 nesta quarta dá a vaga à equipe.

Também pesa para o lado do Porto o fato do time ter vencido todos os três jogos da fase de grupos que disputou no Estádio do Dragão: 1 a 0 sobre o Galatasaray, 4 a 1 sobre o Lokomotiv Moscou e 3 a 1 sobre o Schalke 04. No jogo desta quarta, Sérgio Conceição vai ter todos os jogadores à disposição.

– Temos de ter equilíbrio no jogo. Temos de ganhar, mas sem pressa, com consistência em termos defensivos, devido à qualidade da Roma, que tem jogadores muitos fortes no ataque. Temos de estar preparados como equipe para uma Roma que vai defender um resultado favorável em alguns momentos do jogo. Poderá haver uma ou outra estratégia, mas a minha equipe estará preparada para ter ainda mais poder ofensivo – disse Sérgio Conceição, que vai ter todos os jogadores à disposição.

O Porto deve ir a campo com: Casillas; Militão, Pepe, Felipe, Alex Telles; Danilo, Herrera, Óliver; Corona, Brahimi, Marega

Já a Roma, que tem a simples missão de não sofrer gols, não poderá contar com Ünder e Pastore, ambos lesionados. O técnico Eusébio Di Francesco não escondeu de ninguém que vai para Portugal pensando em se defender.

– Vai ser um jogo muito longo, temos apenas um gol de vantagem e temos de o defender. Queria reforçar mais uma vez que temos de fazer uma grande exibição defensiva. Tudo é possível, os meus rapazes sabem que têm de estar preparados para jogar a qualquer momento. Ainda não sabem quem vai jogar, ainda não decidi, vou ter de ponderar vários aspectos antes desta grande batalha.

Fonte: GE - https://globoesporte.globo.com/beta/backstage/liga-dos-campeoes/noticia/manchester-united-vai-atras-do-inedito-contra-o-psg-avancar-depois-de-perder-por-2-a-0-em-casa.ghtml

Recomendado para você pelo google

ELITISMO?

VÍDEO: Escolas federais têm segurança, mas as outras são ‘destratadas’, afirma diretor em Cajazeiras

FUTEBOL

VÍDEO: Diário Esportivo fala sobre o Festival de Prêmios do Atlético e do clássico contra o Sousa

MASSACRE DE SUZANO

VÍDEO: Psicóloga fala sobre jogos eletrônicos e ausência da família influenciando tragédias com jovens

O CAMINHO

VÍDEO: Em Pombal, Frei Gilson declara que a Igreja Católica precisa pregar um catolicismo praticante