header top bar

section content

Seleção Brasileira Olímpica domina Estados Unidos, vence e vai à final

Equipe dirigida pelo técnico André Jardine contou com gol do atacante Matheus Cunha para bater norte-americanos pelo placar de 1 a 0

Por CBF

16/11/2019 às 09h27

Matheus Cunha marcou o gol da vitória, na semifinal do United International Football Festival (Edition Canary Islands)

A Seleção Brasileira Olímpica derrotou os Estados Unidos na tarde desta quinta-feira (14), em Las Palmas (ESP), pelo Festival Internacional de Futebol Sub-23. Com gol do atacante Matheus Cunha, o time comandado por André Jardine derrotou os norte-americanos por 1 a 0 e avançou à final da competição, que serve como preparação para o Torneio Pré-Olímpico, que acontecerá entre os meses de janeiro e fevereiro de 2020.

O adversário da Canarinho na grande final sairá do duelo entre Ilhas Canárias e Argentina. A decisão está marcada para o próximo domingo (17), às 16h45 (horário de Brasília).

O jogo

O primeiro tempo foi de poucos sustos para a Seleção Brasileira Olímpica. Dominando a posse de bola e o jogo, os comandados do técnico André Jardine inauguraram o marcador logo aos 14 minutos da etapa inicial. O volante Wendel encontrou o atacante Matheus Cunha na entrada da área, que girou e bateu rasteiro. A bola foi no canto do goleiro Matt Freese e balançou as redes norte-americanas: 1 a 0 para o Brasil.

Já na reta final da primeira metade de jogo, a Canarinho esteve próxima de ampliar. Aos 37, Guga recebeu de Wendel, disparou e cruzou para o atacante Gabriel Martinelli. O jogador do Arsenal, da Inglaterra, conseguiu cabecear a bola, mas a viu se perder pela linha de fundo, por cima do gol.

Na volta dos vestiários, a Seleção se manteve no ataque e chegou com perigo logo aos quatro minutos. Pedrinho levantou a bola na área em cobrança de falta, e o centroavante Matheus Cunha desviou na primeira trave, obrigando o goleiro a fazer grande defesa. Sete minutos mais tarde, em contra-ataque, foi a vez de Martinelli aparecer. Invadindo a área em velocidade, o atacante bateu com força, mas viu a bola explodir na trave.

Aos 25 minutos, os Estados Unidos deram a resposta e tiveram sua melhor oportunidade na partida. Saucedo recebeu de Aaronson, cortou e bateu com força e no alto. A bola subiu e acertou na junção na trave com o travessão do goleiro Phelipe.

Com muitas substituições de ambos os lados, o Brasil conseguiu administrar bem o resultado, garantindo a vitória e a classificação para a decisão do Festival Internacional de Futebol Sub-23.

Recomendado para você pelo google

VÍDEO

Governador rebate declaração de Gervásio Maia: “É mentira. A Cagepa vai continuar uma empresa pública”

ESPORTE E EDUCAÇÃO

VÍDEO: Colégio Nossa Senhora do Carmo, em Cajazeiras, encerra o ano letivo 2019 com Olimpíadas Internas

ORÇAMENTO DEMOCRÁTICO

VÍDEO: Conselheiros do OD se confraternizam em Cajazeiras e já iniciam debates sobre as ações para 2020

EDUCAÇÃO E EMPREGO

VÍDEO: Mensagem Empresarial recebe coordenadora e estudantes do Núcleo de Empregabilidade da FSM