header top bar

section content

Seleção Brasileira abre votação no Prêmio Brasileirão 2019

Jogadores da Seleção Brasileira escolhem o melhor técnico, o craque, a revelação, além do time ideal da competição

Por CBF

27/11/2019 às 08h36

Votação para os melhores do campeonato (Créditos: Lucas Figueiredo/CBF)

Com o Campeonato Brasileiro da Série A em sua reta final, chegou o momento de começar a escolher os melhores jogadores da competição. E quem abriu a votação do Prêmio Brasileirão 2019 foram os atletas da Seleção Brasileira. Eles aproveitaram a Data FIFA de novembro para fazer suas escolhas diretamente na cédula.

Todos os 23 jogadores convocados para os jogos contra Argentina e Coreia do Sul, disputados na Arábia Saudita e nos Emirados Árabes Unidos, respectivamente, participaram da ação. Na cédula, cada um encontrou o espaço para escolher o seu time ideal do Campeonato Brasileiro 2019, o craque da competição, a revelação e o melhor técnico.

Além dos atletas da Seleção Brasileira, o colégio eleitoral que definirá os premiados deste ano ainda será formado pelos capitães e técnicos dos 20 clubes da Série A, além de centenas de jornalistas esportivos de todas as regiões do Brasil. Cada um terá um acesso individual para a votação virtual.

Como de costume, a cerimônia de premiação será realizada no dia 9 de dezembro, um dia após o término da competição. Até lá, o Brasileirão ainda terá mais quatro rodadas a serem disputadas. No Prêmio Brasileirão 2019, a exemplo do que ocorreu em 2018, a seleção da Série A1 do Campeonato Brasileiro Feminino também será reverenciada.

Recomendado para você pelo google

DESTAQUE

VÍDEO: Projeto de microcrédito coordenado por cajazeirense vence prêmio internacional em São Paulo

SE SENTINDO TRAÍDO

VÍDEO: Ricardo cita nomes responsáveis por racha e rejeita amizade com João: “Está na página deplorável”

FIM DO SONHO?

VÍDEO: Membro do comitê pede explicações sobre a não entrega do projeto do HU do Sertão dentro do prazo

VÍDEO

Júnior promete apoiar Denise para disputar prefeitura de Cajazeiras e denuncia gestão de Zé Aldemir