header top bar

section content

Palmeiras sonha com Cleiton Xavier para jogar com Valdivia em 2015

Autor de 16 gols no Verdão, Cleiton não ganhou título, mas saiu em alta com a torcida

Por

09/12/2014 às 10h30

Cleiton Xavier - Metalist (Foto: Arquivo LANCE!)

“Conto com você em 2015.” Foi o que Cleiton Xavier ouviu em encontro recente com Paulo Nobre, presidente do Palmeiras. A resposta do meia foi positiva, mas com uma ressalva: para concretizar o sonho, será preciso convencer o ucraniano Metalist a liberá-lo.

O clube do leste europeu estabeleceu o preço do armador em 6 milhões de euros (mais de R$ 18 milhões) e não deseja emprestá-lo. O contrato dele na Ucrânia, renovado há pouco, vence só no meio de 2017.

A esperança é que o jogador manifeste o desejo de voltar ao futebol brasileiro e convença o clube ucraniano a facilitar as conversas. Ele está no Metalist desde 2010, é ídolo da torcida e tem boa relação com os dirigentes. Uma recente debandada de atletas, que incluiu o argentino Cristaldo, enfraqueceu o elenco e reduziu as chances de brigar por títulos, fator que também pesa para o CX10, que tem 31 anos, querer retornar.

No Brasil, o Palmeiras é o preferido do meia – em julho, o Verdão já havia feito uma investida para trazê-lo, sem sucesso. Ele passou pelo Palestra Itália entre 2009 e 2010, foi um dos destaques do time no período e, mesmo à distância, acompanha o dia a dia do clube. O São Paulo pode ser um forte concorrente porque Cleiton tem grande amizade com o técnico Muricy Ramalho, com quem trabalhou no Internacional e no próprio Verdão. Mas o rival do Morumbi, pelo menos por enquanto, não procurou o jogador ou os ucranianos.

Cleiton Xavier e Nobre conversam com frequência desde o meio do ano passado e as partes acreditam que o acerto salarial não seria problema. Naquela ocasião, o armador utilizou as instalações da Academia de Futebol para tratar uma lesão na coxa e até retirou uma ação que movia contra o clube, pedindo o pagamento dos direitos de imagem – ele já havia vencido em primeira instância. As partes chegaram a um acordo. Ele voltou recentemente ao centro de treinamento alviverde para se recuperar de problema nas costas.

Autor de 16 gols no Verdão, Cleiton não ganhou título, mas saiu em alta com a torcida, especialmente pelo gol contra o Colo-Colo, que levou o time às oitavas Libertadores-2009.

MSN

Tags:
VÍDEO

Jovem jornalista estreia programa na TV e conta tudo sobre o Atlético de Cajazeiras no Paraibano 2019

PRATICIDADE NA FISCALIZAÇÃO

VÍDEO: TCE-PB inaugura espaço digital público para ideias tecnológicas de controle dos atos públicos

GRUPOS SE ENFRENTAM NA 1ª FASE

VÍDEO: Dirigentes do Sertão comentam sorteio do Paraibano 2019. Atlético enfrentará o ‘grupo da morte’

ASSISTA!

Imagens de câmeras de segurança mostram assalto a comerciante em frente a banco na cidade de Patos