header top bar

section content

Fortalecimento muscular: você está treinando da maneira correta?

Importante no tratamento e prevenção de lesões, os exercícios de força variam de acordo com a parte do corpo a ser trabalhada

Por

27/09/2014 às 13h49

Exercícios indicados para fortalecer musculatura da coluna vertebral (Foto: Gustavo Luz)

O fortalecimento muscular é algo importante no tratamento e prevenção de lesões. Mas treinar a musculatura de forma adequada muitas vezes foge do óbvio. Cada grupo muscular trabalha de uma forma, e é preciso treinar o músculo da maneira como ele funciona para que a intervenção seja efetiva. Alguns grupos musculares tem maior função de sustentação e assim permanecem contraídos o dia todo, com uma força leve. Outros são responsáveis por movimentos, e contraem-se de forma forte e rápida.

Os músculos que ficam imediatamente próximos a coluna vertebral são responsáveis por manter o corpo ereto. Eles ficam com uma contração de pequena magnitude mantida por longos períodos. Então, treiná-los da forma tradicional, com peso e movimentos rápidos, não é a forma mais adequada. Exercícios leves e lentos, ou isométricos, embora pareçam mais fracos, vão surtir um efeito melhor nessa musculatura, por trabalhá-la da forma que ela funciona normalmente. Um exemplo de bom exercício para a coluna é o “bird dog” ou extensão cruzada: em quatro apoios, eleve uma perna e o braço do lado contrário, mantendo a coluna bem ereta.

A mesma lógica se aplica aos músculos do pé. Eles sustentam os arcos do pé e o peso do corpo por períodos prolongados. Então é melhor realizar mais repetições com pouca carga do que várias repetições com carga alta.

Os músculos que estabilizam articulações como o ombro e quadril estão situados em camadas mais profundas, e para treiná-los exercícios isométricos com pouca carga também são a melhor opção.

Já os músculos como bíceps do braço e o tríceps da perna (panturrilha), que são principais motores de articulações, funcionam de forma mais explosiva, com contração forte e rápida, e se beneficiam de treinos com cargas mais altas.

O segredo para o aprendizado do corpo é a repetição e a especificidade. Então, um treino leve pode gerar mais benefícios por ser mais específico e natural à sua função.

Globoesporte

Tags:

Recomendado para você pelo google

DIRETO AO PONTO

VÍDEO: Após fazerem as ‘pazes’, Jeová e Júnior vão dividir cargos na saúde com Estela, diz comentarista

ECOTROTE

VÍDEO/FOTOS: Trote diferente da Faculdade Santa Maria conscientiza novatos a cuidarem do meio ambiente

QUE VENHA MAIS!

VÍDEO! Sousa registrou maior chuva da Paraíba em 2019 e açude São Gonçalo aumenta 61 centímetros

SONHO REALIZADO

VÍDEO/FOTOS: Prefeitura de Cajazeiras realiza sorteio de 300 apartamentos e evento é marcado pela emoção