header top bar

section content

Após polêmica, Frontini se redime e marca três gols em treino do Bota-PB

Após vitória contra o Santa Cruz-PB, reservas do Belo treinam no campo da Acep e argentino se destaca. Titulares fizeram tratamento com gelo na Maravilha do Contorno

Por

29/03/2014 às 09h08

Frontini faz três gols durante treino do Botafogo desta sexta-feira (Foto:Lucas Barros/GloboEsporte

O Botafogo-PB voltou aos trabalhos nesta sexta-feira, depois da vitória de 3 a 2 em cima do Santa Cruz de Santa Rita. Em um treino de recondicionamento e de dois toques com os reservas, o argentino Frontini se redimiu da polêmica registrada na cobrança de pênalti contra o Cobra Coral e hoje marcou três vezes. A outra notícia que marcou o treino foi envolvendo o atacante Cléo Paraense, que também treinou e está liberado para o clássico contra o Treze, que acontece no próximo domingo no Estádio Presidente Vargas.

Enquanto os 11 titulares fizeram um tratamento com gelo na Maravilha do Contorno, o restante do elenco do Belo treinou no campo da Associação dos Cronistas Esportivo da Paraíba (Acep). 

O treinador Marcelo Vilar comandou os jogadores por um pouco mais de uma hora. O atacante Frontini, que entrou no segundo tempo da partida desta quinta-feira, fez três gols, sendo um deles de pênalti.

Cléo, que teve um problema na virilha direita e não participou da partida contra o Santa, fez uma ultrassonografia nesta tarde e não foi constatada nenhum lesão. Ele foi liberado e fez exercícios de recondicionamento físico com o preparador do time, Alexandre Duarte. O atacante foi liberado pelo Departamento Médico do clube para enfrentar o Treze no próximo domingo.

O clássico entre Treze e Botafogo acontece no Estádio presidente Vargas, às 16h. Os dos times seguem empatados na tabela com seis pontos cada, mas o Galo tem melhor saldo de gols. 

Na partida desta quinta-feira, entre Santa Cruz e Botafogo, o meia alvinegro Doda foi derrubado na área e árbitro João Bosco Sátiro marcou um pênalti para o Belo. No momento da batida, o atacante Frontini pediu ao volante Pio, cobrador oficial, para bater. A conversa seguiu por um tempo, mas Pio foi irredutível.

Pio cobrou e fez o gol, deixando a partida em 3 a 1 para o Bota. O volante comemorou, enquanto isso, o atacante, que ficou desconetente em não ter seu pedido acatado, caminhou de volta para o meio do campo, sem vibrar.

Fonte: Globo Espote 

Tags:
QUARTO EPISÓDIO

Em homenagem ao Dia das Crianças, programa Coisas de Cajazeiras entrevistou uma turma esperta e antenada

EMOÇÃO E REVOLTA

VÍDEO: Após um ano e três meses, Victória Albuquerque é sepultada sob lágrimas e protestos em Cajazeiras

CRISE?

VÍDEO: Empresário afirma que tem vagas de emprego em Cajazeiras, mas faltam profissionais capacitados

DIRETO AO PONTO

Eleitos em Cajazeiras devem se comprometer com aeródromo, estrada de Boqueirão e hospital, diz colunista