header top bar

string(16) "diario-esportivo"

section content

Corinthians apresenta Pato nesta sexta tentando afastar fantasma de lesões

Adquirido por R$ 40 milhões, atacante é a maior contratação da história do futebol brasileiro

Por

11/01/2013 às 09h28

Nesta sexta-feira (11), às 12h30 (de Brasília), o Corinthians apresenta oficialmente no CT Joaquim Grava a maior contratação da história do futebol brasileiro. Contratado por cerca de R$ 40 milhões junto ao Milan, Alexandre Pato é o principal reforço do time para a temporada 2013. O jogador, de 23 anos, usará a camisa de número 7 no Timão.

Apesar dos valores da negociação, a comissão técnica terá que vencer um obstáculo que assombra a carreira do jogador: as lesões musculares. O fisioterapeuta Bruno Mazziotti já avisou que o craque ainda não tem data para estrear. Justamente por isso, a diretoria decidiu por fazer uma apresentação discreta, como faz para todos os outros atletas. Nada de festa na Fazendinha, como ocorreu com Ronaldo e Roberto Carlos.

O atacante chegou ao Brasil na manhã desta quinta-feira (10), fez exames médicos, conheceu o CT e alguns de seus novos companheiros. De acordo com os médicos, ele passou pelos exames e está bem fisicamente. Ainda no aeroporto, o próprio atacante disse que está bem e espera ter uma sequência de jogos para voltar à seleção.

— Voltei, estou muito feliz, escolhi o Corinthians, campeão do mundo. Então, estou louco para começar logo.

Especula-se que o atacante deva receber salário próximo ao dos jogadores mais bem pagos do clube, como Emerson Sheik e Paulinho, valores que giram em torno dos R$ 400 mil por mês. No entanto, Pato tem uma clausula contratual que lhe permite receber participação extra de contratos publicitários que ele e o clube fizerem.

Revelação das categorias de base do Inter, onde teve ascensão meteórica na reta final do Campeonato Brasileiro de 2006, Pato foi titular da equipe gaúcha na vitória sobre o Barcelona e no título do Mundial daquele ano. Em agosto de 2007, acabou negociado com o Milan pela multa rescisória, então estipulada em 24 milhões de euros. Menor de idade, não pôde entrar em campo de imediato, tendo estreado em janeiro de 2008, na vitória por 5 a 2 sobre o Napoli, da Itália, com direito a marcar o último gol da equipe rossonera.

A primeira lesão de Pato ocorreu logo em fevereiro, quando torceu o tornozelo direito jogando pelo Milan e foi até cortado da Seleção Brasileira. A partir da temporada seguinte, o jogador passaria a sofrer com constantes lesões musculares, sendo a última datada de novembro de 2012. Ao todo, o atacante passou mais de uma temporada sem jogar, tendo realizado 150 jogos e marcado 63 gols pelo Milan, além das conquistas do Campeonato Italiano e da Supercopa da Itália em 2011. Na seleção brasileira, foram 22 partidas e nove gols.

R7

Tags:
ASSISTA

VÍDEO: ‘Mensagem de Esperança’ debate o mundo e o mal, sexo e outros temas

PARTICIPE!

VÍDEO: Gerente do Sebrae fala de revolução tecnológica em feira de Cajazeiras e convida empreendedores

PLANOS E METAS

VÍDEO: Cantor explica como pretende administrar o Atlético e declara que o problema do clube é político

CAMPEONATO PARAIBANO 2019

VÍDEO: Após vistoria técnica, representantes da CBF elogiam o estádio Perpetão: “É um dos melhores”