header top bar

section content

Programa ‘Enfermagem em Debate’ fala sobre os desafios e as novidades da profissão de Bombeiro Civil

Apaixonado pela profissão, Ronaldo criou esse meio de comunicação para se conectar com todos os profissionais de enfermagem para debater e informar os ouvintes.

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

23/06/2018 às 14h23 • atualizado em 23/06/2018 às 14h31

O Conselheiro Federal, Dr Ronaldo Beserra, em seu programa “Enfermagem em Debate”, recebeu neste sábado (23), o profissional de enfermagem Dr Silvano Bezerra, que além de técnico e enfermeiro, é empreendedor de uma empresa que forma Bombeiros Civis, e Hélio que é especialista na área de APH (Atendimento Pré Hospitalar).

Na oportunidade, o convidado falou sobre a profissão de Bombeiro Civil no Brasil e na Paraíba, mostrando os avanços e as novidades na área.

Dr Ronaldo também comentou algumas denuncias que recebe diariamente e falou sobre as novidades que aconteceram na 502ª Reunião Ordinária de Plenária (ROP) do Conselho Federal de Enfermagem (COFEN) no Rio de Janeiro, onde ele participou durante a semana.

O programa é transmitido aos sábados pela rádio 104,9 Cruz das Armas FM em João Pessoa e através da live no facebook, onde o profissional de enfermagem tem o livre acesso em participação.

Dr Ronaldo entre os entrevistados da semana, Dr Silvano e Hélio

Você que está fora da capital e quer participar do programa, basta acessar pelo link e se conectar: http://www.radiosaovivo.net/cruz-joao-pessoa/ ou acompanhar pela live através do seu facebook: ronaldobeserra03. ou pelo telefone: (83) 3242-2131

PORTAL DIÁRIO

PROBLEMA GRAVE

VÍDEO: No Xeque-Mate, voluntários debatem sobre maus tratos e abandono de animais em Cajazeiras

SANTO PADROEIRO

VÍDEO: Padre anuncia programação da festa de Dom Bosco em Cajazeiras; festival de música é confirmado

FÓRUM AÇUDE GRANDE

VÍDEO: Grupo entrega documento no MP para fortalecer campanha de revitalização do açude de Cajazeiras

"FICOU DESPREZADA"

VÍDEO: Mulher acusa HRC de negligência no caso da morte de sua irmã após parto; hospital responde