header top bar

section content

Maranhão vota por permanência de prisão de senador e justifica: “Decisão independente e correta”

O painel de votação ainda registrou uma abstenção.

Por

26/11/2015 às 07h17

Maranhão vota por permanência de prisão de senador

O senador José Maranhão (PMDB) votou nessa quarta-feira (25), em sessão extraordinária pela manutenção da prisão do senador Delcídio Amaral (PT), líder do Governo no Senado. Por 59 votos a favor e 13 contra, foi acolhida a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de prender preventivamente o senador. O painel de votação ainda registrou uma abstenção.
 
Delcídio foi preso na manhã dessa quarta-feira pela Polícia Federal por suspeita de obstrução da Operação Lava-Jato, que investiga esquema de corrupção na Petrobras.  A prisão preventiva foi autorizada pelo Ministro do Supremo, Teori Zavascki, após apresentação de provas pelo Ministério Público Federal (MPF). A decisão foi depois referendada pela Segunda Turma do STF e encaminhada ao Senado.
 
Antes da votação do mérito, uma questão de ordem foi levantada pelo senador Cássio Cunha Lima, líder do PSDB na Casa, solicitando que a votação fosse aberta. O senador José Maranhão se posicionou favorável ao voto aberto.

Veja também: Líder do governo no Senado, Delcídio do Amaral é preso pela Polícia Federal

Ao término da sessão histórica, o senador paraibano, que é presidente da Comissão de Constituição e Justiça, justificou seu voto. "Apesar da constante cordialidade do senador Delcidio e do quão é difícil decidir contra os pares, quando somos postos na condição de juízes temos que julgar de maneira correta, independente e o certo é referendar a decisão da Suprema Corte, que certamente também assegurará o direito de defesa do Senador".
 
A sessão extraordinária foi realizada para cumprir o que determina a Constituição Federal em caso de prisão de senador em exercício (artigo 53). No entanto, o texto constitucional, na avaliação dos senadores, é vago sobre a forma de votação, se aberta ou sigilosa. Esse ponto provocou debate no Plenário por mais de duas horas.

Da Assessoria

Tags:
RECONHECIMENTO

Prefeito de Sousa garante ajuda mensal ao médico cubano: “Eu irei ajudá-lo em todos os momentos”

"MERECIA MAIS"

VÍDEO: Comentarista critica falta de prestígio de Sousa com o Governo do Estado nas nomeações de cargos

ANTIGO E NOVO

VÍDEO: Secretário e prefeito exibem projeto do novo Museu de Cajazeiras feito por arquiteta cajazeirense

COBRANÇAS INDEVIDAS

VÍDEO: Problemas com empréstimo consignado? Advogado dá orientações para que você não seja negativado