header top bar

section content

Detran suspende mais de 300 carteiras de motorista na Paraíba em menos de três meses

No ano passado, 1.164 CNHs foram suspensas pelo acúmulo de 20 pontos ou por infrações em que a carteira é apreendida imediatamente.

Por

08/04/2015 às 15h14

Carteiras são suspensas na Paraíba. Veja!

Desde janeiro até a última sexta-feira (27), 319 motoristas tiveram a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) suspensa na Paraíba, uma média de quatro ocorrências por dia. A maioria foi de carteiras de motoristas dirigindo sob a influência do álcool.

No ano passado, 1.164 CNHs foram suspensas pelo acúmulo de 20 pontos ou por infrações em que a carteira é apreendida imediatamente. Além de dirigir sob a influência do álcool, os principais casos de suspensão na Paraíba foram de carteiras vencidas, habilitação para veículo diferente do autorizado e motociclistas sem uso do capacete, considerado um equipamento de segurança obrigatório para trafegar sobre duas rodas.

Nos casos de suspensão por acúmulo de 20 pontos em menos de um ano, o motorista é notificado e caberá a ele entregar a CNH ao Departamento Estadual de Trânsito na Paraíba (Detran-PB). O motorista será obrigado a participar do Curso de Reciclagem a ser realizado nas autoescolas credenciadas e em 30 horas de aulas terá noções de Direção Defensiva, Legislação de Trânsito, Primeiros Socorros e Relacionamento Interpessoal. 

De acordo com o diretor de Operações do Detran, Orlando Soares, além de relembrar práticas importantes que não devem ser esquecidas ao se conduzir um veículo, o curso tem um efeito pedagógico e disciplinar perante a população, além dos condutores. 

O tempo de suspensão varia de um mês a um ano, determinado pelo órgão ou pelo tipo de infração; no caso de dirigir sob efeito de álcool, por exemplo, é de um ano. Se for flagrado dirigindo com a carteira suspensa, o motorista terá a CNH cassada e ficará obrigatoriamente dois anos sem poder dirigir.

Da Secom

Tags:

Recomendado para você pelo google

PARAOLÍMPICOS

VÍDEO: Curso em Cajazeiras ajuda professores de Educação Física a trabalharem com alunos com deficiência

EMPRESA INVESTIGADA

VÍDEO: Após inquérito do MPPB, prefeito José Aldemir responde se ainda vai ter concurso em Cajazeiras

20ª EDIÇÃO DO EVENTO

VÍDEO: Com Felipão, Eduarda Brasil e muito mais, Cavalgada e Festa de Marimbas leva multidão a Cachoeira

DA CÂMARA AO INSS

VÍDEO: Grupo prepara manifestação pública nesta sexta, em Cajazeiras, contra a reforma da Previdência