header top bar

section content

Paraíba teve 29 casamentos homoafetivos em 2013, diz IBGE

Os dados são das Estatísticas de Registro Civil 2013, divulgadas nesta terça-feira (9) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Por

09/12/2014 às 17h15

Paraíba teve 29 casamentos homoafetivos

A Paraíba registrou 29 casamentos homoafetivos em 2013, ano em que uma resolução do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) determinou que os cartórios de todo o país realizassem a união civil entre pessoas do mesmo sexo. Desses, 17 foram entre cônjuges femininos e 12 entre cônjuges masculinos. Os dados são das Estatísticas de Registro Civil 2013, divulgadas nesta terça-feira (9) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Pela primeira vez o estudo analisou os números de casamentos homoafetivos no Brasil. Em 14 de maio de 2013, a resolução nº 175 do CNJ obrigou os cartórios a realizarem casamento civil entre pessoas do mesmo sexo e também a converterem a união estável de gays e lésbicas em casamento. Antes, os cartórios poderiam se negar a fazer o casamento. O Brasil inteiro registrou 3.701 casamentos do tipo. Deles, 52% foram entre mulheres e 48% entre homens.

Segundo o levantamento, a maioria dos casamentos civis entre pessoas do mesmo sexo foram realizados no Sudeste (2.408) – sendo 80% da região em São Paulo, que tem mais registros de casamentos gays no país (1.945). O estado é seguido do Rio de Janeiro (211) e Minas Gerais (209). No outro extremo está o Acre, com apenas um registro em todo o ano de 2013. Os sete estados da Região Norte juntos registraram 56 casamentos entre pessoas do mesmo sexo.

G1

Tags:
VÍDEO

Músico dá show no Acústico Diário e anuncia novo CD de trabalho; ele contou sobre o início da carreira

57 ANOS

VÍDEO: Prefeito prepara obras para serem entregues no dia da cidade em Santa Helena e convida população

MAIS UMA ESPECIALIDADE

VÍDEO: Clínica de Cajazeiras conta agora com médico especialista em doenças do intestino, reto e ânus

EPISÓDIO 14

VÍDEO: Coisas de Cajazeiras mostra trajetória do ex-prefeito Chico Rolim e fala de segurança no trabalho