header top bar

section content

Diversidade: para combater a homofobia, Governo do Estado da Paraíba cria espaço LGBT

O espaço foi criado este ano e oferece atendimento e orientação psicossocial e jurídica, promove seminários, cursos e capacitação, além de ações itinerantes.

Por

15/12/2011 às 11h31

A cidade de João Pessoa conta com um espaço destinado às lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais que tiveram seus direitos violados e foram vítimas de discriminação, preconceito e intolerância pela orientação sexual e identidade de gênero.

Trata-se de um Centro de Referência dos Direitos LGBT e Combate à Homofobia (Espaço LGBT), criado este ano pelo Governo do Estado, que oferece atendimento e orientação psicossocial e jurídica, promove seminários, cursos e capacitação, além de ações itinerantes de promoção dos direitos de LGBT

No período de 1º de junho a 30 de setembro deste ano, o Espaço LGBT atendeu cerca de 78 usuários vítimas de algum tipo de homofobia.

Do total de atendidos, 73% são homens e 27%, mulheres. Quanto à orientação sexual, os dados são os seguintes: homossexual (85%), bissexual (9%), heterossexual (6%).

Faixa etária
18 a 29 anos – 38%
30 a 35 anos – 19%
36 a 45 anos 28%
46 a 70 anos 15%

DIÁRIO DO SERTÃO com Secom
 

Tags:
ESTÁ NA CAPITAL DESDE 2015

EXCLUSIVO: Após três anos, lendário padre de Cajazeiras revela o que motivou sua ida para João Pessoa

AMOR E FÉ

ESPECIAL DE FÉRIAS: Crianças e adolescentes de Cajazeiras e Sousa abrilhantam programa na TV Diário

AUXILIAR DO TROVÃO

VÍDEO: Agora no Atlético-PB, ex-jogador do Corinthians está confiante em vaga no Brasileirão da Série D

SAÚDE & BEM-ESTAR

VÍDEO: Médico alerta para consequências do uso excessivo de alguns medicamentos no aparelho digestivo