header top bar

section content

VÍDEO: Namorado de jovem achada morta após festa de Natal na Paraíba nega agressão, diz delegado

Lucas Ferreira prestou depoimento na tarde desta terça-feira e alegou que Gizely Medeiros consumiu muita bebida e também cocaína

Por G1 PB

25/12/2018 às 17h19 • atualizado em 25/12/2018 às 17h25

O namorado da jovem de 24 anos que foi achada morta após uma festa de Natal no bairro do Róger, em João Pessoa, prestou depoimentos à Polícia Civil na tarde desta terça-feira (25). De acordo com o delegado Diego Garcia, Lucas Ferreira confirmou que Gizely Medeiros havia ingerido muita bebida alcoólica, energético e drogas na noite da segunda-feira (24).

Gizely foi achada desacordada na própria cama, em um quarto que fica nos fundos da casa dos pais dela. A vítima apresentava marcas de agressões e os pais tentaram ainda socorrê-la em um táxi, porém o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou ao local e constatou que ela estava morta.

Segundo o delegado, o namorado dela foi localizado pela polícia em casa, no bairro de Cruz das Armas. Ele foi conduzido coercitivamente até a Central de Polícia onde prestou esclarecimentos.

Diego Garcia disse que o jovem negou que teria matado Gizely e também disse que não houve nenhuma agressão. O jovem falou ainda que ela consumiu muita bebida e também cocaína na noite de Natal, e que quando saiu da casa dela nesta manhã, ela estava bem.

VEJA TAMBÉM: Em sepultamento, familiares e amigos protestam e exigem condenação do acusado de matar Hominha em Cajazeiras

Gizely Medeiros tinha 24 anos e deixa um filho de quatro anos — Foto: Reprodução/TV Cabo Branco

Uma perícia inicial feita no corpo de Gizely no início da manhã descartou a hipótese de suicídio. Segundo a perita Amanda Melo, além das marcas de agressões, ela também apresentava indícios de vômito.

“A vítima apresentava manchas, hematomas, na região do braço direito, e uma possível pancada na região do abdome. Ela também apresentava vestígios de vômito recente nas cavidades oral e nasal. Não foi possível constatar se ela sofreu essas agressões em vida e também não dá pra afirmar se elas foram a causadora da morte”, explicou Amanda.

O corpo de Gizely Medeiros foi levado para o Instituto de Polícia Científica (IPC), onde vai ser feito uma perícia para identificar a causa da morte.

“A vítima apresentava estes ferimentos e sabemos que houve ingestão de bebida alcoólica e de outras substâncias. Vai ser feita a investigação, em continuidade, para descobrir de fato qual foi a causa da morte dela e só a partir disso é que poderemos saber se vamos intimar o namorado ou representar pela sua prisão”, disse Diego Garcia.

O delegado informou às 16h45 (horário local) que, após ser ouvido, Lucas Ferreira foi preso por furto de um capacete e de uma bolsa que estavam na residência. Os objetos foram subtraídos no início da manhã, quando o namorado de Gizely saiu da residência.

PORTAL DIÁRIO

Fonte: G1 PB - https://g1.globo.com/pb/paraiba/noticia/2018/12/25/namorado-de-jovem-achada-morta-apos-festa-de-natal-em-joao-pessoa-nega-agressao-diz-delegado.ghtml

Recomendado para você pelo google

O CAMINHO

VÍDEO: Em Pombal, Frei Gilson declara que a Igreja Católica precisa pregar um catolicismo praticante

PREVISÃO DE METEOROLOGISTA

VÍDEO: Chuvas no Sertão da Paraíba poderão encher barreiros, mas recarga de grandes açudes será pouca

COBRANÇA

VÍDEO: Protesto contra reforma da Previdência em Cajazeiras coloca políticos paraibanos na mira do povo

VÍDEO

XEQUE MATE: Professores e psiquiatra falam sobre a relação entre Família, Escola e Sociedade; Assista!