header top bar

section content

Morre bebê que nasceu após mãe ser baleada durante arrastão

A mãe morreu durante o parto e o pai, agente penitenciário aposentado, veio a óbito no local do arrastão ao reagir.

Por G

03/01/2019 às 10h08

Bebê nasceu de um parto de emergência após mãe e pai serem alvos de bandidos em arrastão em Caxias

Morreu o bebê que nasceu em um parto de emergência após a mãe ser baleada em um arrastão em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, no último domingo, que vitimou também o pai da criança, um agente penitenciário. O menino estava internado em estado grave no Hospital Estadual Adão Pereira Nunes, em Saracuruna, também em Caxias, e faleceu na noite desta quarta-feira. A confirmação é da direção da unidade de saúde.

Após dar à luz, Verônica Sabrina Sousa Silva, 27 anos, não resistiu e morreu. Já o pai da criança, o agente penitenciário aposentado José Carlos da Rocha, de 68 anos, levou pelo menos cinco tiros e veio a óbito no local do arrastão, na Avenida Pelotas, no bairro Sarapuí. Ainda não há informações sobre o sepultamento do bebê. Os pais dele foram enterrados no início desta semana.

Fonte: G - https://odia.ig.com.br/rio-de-janeiro/2019/01/5607663-morre-bebe-que-nasceu-apos-mae-ser-baleada-durante-arrastao-em-caxias.html

OS CIRENEUS DO CAMINHO

VÍDEO: Programa Mensagem de Esperança reflete sobre imunização espiritual e como lidar com adversários

'MENSAGEM DE FÉ'

VÍDEO: Padre apresenta programa especial na TV sobre a tradicional Festa de Dom Bosco em Cajazeiras

'OPINIÃO DO CIDADÃO'

VÍDEO: Em Cajazeiras, presidente da OAB-PB diz ser contra posse de arma: “Índices de mortes aumentam”

PROPRIEDADES EMBARGADAS

VÍDEO: Impedidos de plantar, agricultores de Cajazeiras acusam IBAMA de excessos na aplicação de multas