header top bar

section content

Agente da Polícia Civil fala sobre caso do padre que teve sua cadeira de rodas levada por assaltantes

Alisson Pereira acredita que os meliantes levaram o objeto de locomoção do religioso para não correrem o risco do padre pedir ajuda

Por Luiz Adriano

25/11/2020 às 18h27 • atualizado em 25/11/2020 às 18h33

O agente da Polícia Civil de João Pessoa, Alisson Pereira, falou no Programa Olho Vivo da TV Diário do Sertão sobre o caso que chocou a Paraíba na noite da última segunda-feira (23), onde um padre cadeirante foi assaltado e os meliantes levaram além de objetos pessoais, a própria cadeira de rodas do religioso, deixando o mesmo sem ter como se locomover.

O agente disse que o padre chegou na Central de Polícia para prestar queixa pelo acontecido e de maneira constrangida, falou que não podia sair de dentro do veículo porque os bandidos haviam levado sua cadeira de rodas. O policial acredita que a ação dos meliantes em ter levado a cadeira aponta para um tipo de estratégia, para não correrem o risco do sacerdote pedir ajuda de alguém: “Possivelmente essa ação dos bandidos foi para que ele não esboçasse nenhum tipo de reação, para que ele não fugisse do local e pedisse socorro. Acredito que eles tenham levado a cadeira nessa intenção”, disse Alisson.

VEJA TAMBÉM

Bandidos assaltam padre cadeirante em João Pessoa e levam até a cadeira de rodas

O padre foi assaltado na noite da última segunda-feira (23) em João Pessoa. As informações seria de que o padre teria acertado para vender um celular aos supostos compradores. O sacerdote havia anunciado a venda do aparelho celular através da internet. Um casal havia se interessado para comprar o aparelho e no encontro com o religioso foi anunciado o assalto. Além da cadeira de rodas, os assaltantes levaram um notebook, o celular e a carteira do religioso.

O agente explicou que os procedimentos instaurados após o Boletim de Ocorrência é de que o caso será remetido para a delegacia da localidade onde ocorreu o fato, e a partir daí o delegado irá prosseguir nas diligências e nas investigações.

PORTAL DIÁRIO

COLAPSO

VÍDEO: Empresário cajazeirense que mora em Roraima revela que oxigênio deve acabar em 14 dias

SAÚDE

VÍDEO: Após crise no Amazonas, diretor do Hospital Regional diz se o oxigênio pode acabar em Cajazeiras

VAMOS AJUDAR

VIDEO: Dona de casa chora ao fazer apelo por comida e medicações em Cajazeiras: ‘Tenho dois filhos’

NOS BRAÇOS DO POVO

VÍDEO: Vereador da região de Sousa que tomou posse dentro da prisão é recebido com festa pela população

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!