header top bar

section content

Em mensagem de Natal, Bolsonaro diz que novo governo buscará ‘restaurar o sentimento familiar’

Presidente eleito publicou a mensagem em sua conta no Twitter. Para ele, sentimento familiar está há muito tempo 'desgastado' na sociedade

Por G1

24/12/2018 às 09h56

Jair Bolsonaro (Foto: Fábio Motta/Estadão Conteúdo)

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, escreveu uma mensagem de Natal em sua conta no Twitter nesta segunda-feira (24) e disse que o novo governo vai tentar “restaurar o sentimento familiar”. Segundo ele, esse sentimento está “desgastado” na sociedade.

“Com humildade, aceitando quem tem no coração a vontade de construir um Brasil melhor, buscaremos nos próximos anos restaurar o sentimento familiar há muito desgastado em nossa sociedade, bem como a paz dentro de nossos lares. Tenhamos todos um Feliz Natal! Fiquem com Deus!”, escreveu Bolsonaro.

Ele vai passar o feriado na base naval da Restinga de Marambaia, no litoral do Rio de Janeiro, para onde viajou neste sábado (22). A previsão é que Bolsonaro fique lá até a quinta-feira (27).

No Twitter, o presidente eleito também escreveu que, com o sentimento inspirado pelo Natal, vê a chegada de um “novo Brasil”.

“É chegado mais um Natal, momento especial onde relembramos com nossas sagradas famílias o nascimento de Cristo. É com este sentimento, inspirado na família simples que recebeu em um humilde presépio a encarnação do próprio Deus, que contemplamos a chegada de um novo Brasil”, disse Bolsonaro.

Fonte: G1 - https://g1.globo.com/politica/noticia/2018/12/24/em-mensagem-de-natal-bolsonaro-diz-que-novo-governo-buscara-restaurar-o-sentimento-familiar.ghtml

Recomendado para você pelo google

SUCESSO

VÍDEO: Mensagem Empresarial mostra história de um dos maiores empresários e empreendedores de Cajazeiras

EMOCIONANTE

VÍDEO:Em documentário especial, Xeque Mate mostra realidade de famílias que moram no Lixão de Cajazeiras

ENTRE PÚBLICO E PRIVADO

VÍDEO: Empresário revela que quase foi candidato a prefeito de Cajazeiras e explica por que recusou

VÍDEO

Sindicatos batem martelo e definem novo salário dos comerciários de Cajazeiras para 2019-2020