header top bar

section content

Wilson Filho chega a 100 dias de mandato com alta produção legislativa

Após ter assumido as missões logo nos primeiros dias de trabalho, Wilson criou a Frente Parlamentar de Enfrentamento às Drogas.

Por ASSESSORIA

13/05/2019 às 15h37 • atualizado em 13/05/2019 às 15h48

Wilson Filho chega a 100 dias de mandato com alta produção legislativa

O deputado estadual Wilson Filho (PTB) celebrou no último sábado (11) a marca de 100 dias de legislatura. Foram diversas de proposituras e ações que já estão causando impacto positivo na sociedade.

“Chegamos aos cem dias como deputado estadual neste novo desafio e, para mim, foi uma alegria muito grande porque conseguimos montar uma equipe, um gabinete que entendesse o real motivo de estarmos neste mandato. Nós temos que mostrar que a juventude pode, sim, trabalhar com responsabilidade, com competência e esta dedicação não apenas é do deputado, mas de toda a sua equipe, que se reflete na quantidade enorme de proposituras de alta qualidade, projetos que mudam a vida das pessoas, que melhoram a vida daqueles que mais precisam, na criação de frentes parlamentares que realmente mobilizem a sociedade”, comemorou.

Logo no começo do mandato, o parlamentar foi escolhido pelos seus pares líder de blocão na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) e para presidir a Comissão de Finanças e Orçamentos da Casa, duas missões importantíssimas no Parlamento. Ele ressaltou o seu esforço como deputado para ser alçado pelos seus colegas para duas missões altamente importantes e complexas.

“Conseguimos assumindo duas funções importantes na Assembleia, mostrar o jeito e a dedicação e o esforço que coloquei neste novo mandato. Tenho certeza que este é apenas o início de um mandato que vai mostrar à população da Paraíba agora, muito mais pertinho, já que em Brasília nós trabalhávamos como deputado federal numa distância enorme daqui. Mais pertinho dos paraibanos, as pessoas vão notar cada vez mais nosso estilo, nosso perfil e nosso jeito de trabalhar”, assegurou.

Após ter assumido as missões logo nos primeiros dias de trabalho, Wilson criou a Frente Parlamentar de Enfrentamento às Drogas e Defesa da Juventude na Assembleia Legislativa da Paraíba. Neste âmbito, apresentou a proposta que define junho como o Mês de Enfrentamento às Drogas no Estado da Paraíba, tendo a mesma passado por duas comissões e prestes a ir para o plenário para ser votada. Outra proposta do deputado nesta temática foi a campanha Paraíba sem Drogas, sugerindo que a ALPB seja protagonista de uma mobilização de todos os setores da sociedade para combater o problema.

Membro titular da Comissão de Saúde, outro projeto de lei de destaque do deputado e que também passou pelas comissões e está prestes a ser votado foi o que estabelece como 30 dias o prazo máximo para a realização de exames em pacientes com câncer. Outros projetos de destaque do parlamentar foram o que proíbe a comercialização de canudos de plástico por bares e restaurantes no Estado e o que veda a dupla função de motoristas nas empresas de transporte.

Ainda neste período, Wilson Filho, como membro titular da Frente Parlamentar em Defesa da Falésia do Cabo Branco, propôs e conduziu ainda uma Audiência Mista que tratou sobre a erosão avançada na Barreira do Cabo Branco. Ele considera como sendo o principal ponto turístico da Paraíba e sua preservação como de vital importância para o fomento do turismo no Estado.

Balanço
O deputado apresentou, ao todo, 13 projetos de lei, 41 requerimentos, uma indicação e 5 projetos de resolução, somatizando 60 proposituras de grande relevância aos paraibanos.

Recomendado para você pelo google

PROTESTO

VÍDEO: populares vão às ruas para protestar contra a reforma da Previdência na cidade de Patos

VEJA VÍDEO

Padre de Cajazeiras revela curiosidades sobre o santo casamenteiro: “Faz milagre a pessoa encalhada”

SAÚDE

Dieta milagrosa? Médico diz que a compulsão e afetividade pela comida são perigosas para o emagrecimento

VÍDEO

Mototaxista reclama de multa cobrada na Zona Azul da cidade de Cajazeiras; “Está errado”