header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Radialista de Sousa diz que credibilidade do TCE está em baixa após erro politiqueiro contra governador

Em virtude deste fato grave, que foi confirmado pelo próprio TCE, Ricardo Coutinho pediu a anulação da ação judicial

Por

15/07/2015 às 15h27

O comentarista da cidade de Sousa, Jucélio Almeida no seu comentário “Direto ao Ponto”, falou nesta quarta-feira (15) sobre a repercussão do erro cometido pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), que segundo o governador Ricardo Coutinho, teve o propósito claro de prejudicá-lo.

O governador da Paraíba acusou o tribunal de informar números falsos quanto a contratação de pessoal no ano de sua reeleição, em ação judicial que responde junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Em virtude deste fato grave, que foi confirmado pelo próprio TCE, Ricardo Coutinho pediu a anulação da ação judicial.

De acordo com o radialista, Ricardo Coutinho marcou um ‘gol’ com esta descoberta, o TRE suspendeu a tramitação da ação e pediu explicações imediatas sobre o caso ao Tribunal de Contas.

Jucélio Almeida analisou a situação e disse que o TCE errou ‘feio’ neste caso do governador, pois agiu de cunho politiqueiro e indagou: “O que o Tribunal de Contas fez quando julgou os processos contra os prefeitos paraibanos já que confessou errar neste caso?”.

Entenda
O conselheiro Fernando Catão, do Tribunal de Contas do Estado (TCE), admitiu, na sessão da quarta-feira (08), a existência de erros nos dados enviados ao Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba na Ação de Investigação da Justiça Eleitoral (AIJE) contra o governador Ricardo Coutinho (PSB), mas deixou claro que os equívocos serão devidamente esclarecidos em documento que será enviado à Corte Eleitoral para que constem no autos do processo.

O equívoco na interpretação, conforme Catão, foi técnico, sem nenhum cunho político. “Apenas houve uma não subtração de 29 mil aposentados e 11 mil pensionistas. Não há má-fé. Eu quero afirmar que não temo nenhum dos escribas a serviço de quem quer que seja. Não tenho dúvida da retidão da nossa auditoria”, disse.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
CLUBE VIVE IMPASSE

VÍDEO – Representante do Atlético em reunião da FPF apresenta fórmula para participar do Paraibano 2019

VÍTIMA DA DIABETES

VÍDEO: Ameaçada de perder o segundo pé, idosa de Cajazeiras pede ajuda para adquirir sandália especial

ASSISTA

VÍDEO: ‘Mensagem de Esperança’ debate o mundo e o mal, sexo e outros temas

PARTICIPE!

VÍDEO: Gerente do Sebrae fala de revolução tecnológica em feira de Cajazeiras e convida empreendedores