header top bar

section content

Padre fala de lei que iguala orçamento de campanhas eleitorais e cita dois vereadores prejudicados em CZ

O padre explicou como vai funcionar o orçamento. “No período eleitoral na sua cidade cada um receberá a mesma quantidade de dinheiro pra fazer sua campanha"

Por

04/05/2015 às 15h20

Padre Francivaldo, Direto ao Ponto

O padre de Cajazeiras, Francivaldo Albuquerque falou em sua coluna Direto ao Ponto para a TV Diário do Sertão nesta quinta-feira (30) sobre a lei do Orçamento Público de Campanha sancionada pela presidente Dilma Rousseff (PT).

Francivaldo disse que, concorda com a lei e citou exemplo de dois vereadores cajazeirenses que perderam seus mandatos devido à desigualdade no orçamento de campanha. “Chagas Amaro e Severino Dantas perderam o mandato porque não tinham dinheiro”, disse.

O padre explicou como vai funcionar o orçamento. “No período eleitoral na sua cidade cada um receberá a mesma quantidade de dinheiro pra fazer sua campanha. O orçamento nivela a igualdade de campanha”, disse.

Francivaldo alertou que a lei pode não funcionar totalmente já que a sociedade é marcada pelo furto.

Assista ao comentário do Padre no quadro Direto ao Ponto da TVDS

DIÁRIO DO SERTÃO 

Tags:

Recomendado para você pelo google

VÍDEO

Em reencontro com ex-governador Ricardo Coutinho, ex-presidente Lula relembra visita a cidade de Sousa

GRANDE SÓ DEUS

VÍDEO: No Sertão, padre é aplaudido após mandar recado duro a Lula e Bolsonaro: “Baixem a patente”

CRUELDADE SEM TAMANHO

VÍDEO: Criminoso? Incêndio destrói 200 pés de coco em Sousa: “Deus vai julgar”, diz comerciante

VÍDEO

Presidente da Rede confirma nome para disputar prefeitura de Marizópolis: “é nossa prioridade”